Diablo® III

Expansão - Dê sua ideia! (Contêm Spoilers)

27/06/2012 11:15Citação de Angeloni
Interessante Earthshaker! Seria algo até contraditório, um jogo com nome Diablo onde vc vai matar anjos, mas faz sentido! Curti!


Obrigado! Bom eles tecnicamente não seriam mais anjos, não tinha pensado nessa contradição ainda =P
Responder Citar
Poderiam primeiro fazer um DLC onde você deve resgatar a alma de Léa e revive-la, e assim tentar destruir a pedra das almas.
Responder Citar
30/05/2012 20:10Citação de EpicLeap
ognita seria como o crystal arch foi destruído e inárius permanece vivo o arco de crystal é que mantem todos os anjos vivos....


Eu sei mas eu me referi a primeira história do cara lá em cima ele destruiu o arco... e os anjos ficavam vivos
Responder Citar
Historia de Shen sobre aquela pedra preciosa q consome as pessoas
Responder Citar
Saudações a todos,

Interessante como existem possibilidades aos montes para ótimas expansões. A cada ato que passava eu refletia o que poderia ser mais bem aproveitado. Parece que é algo instintivo nosso, vamos construindo a nossa própria história dentro do conto alheio...

Concordo com todas as opiniões, até por que sempre queremos algo muito pessoal e a idéia da equipe será agradar a todos (de uma forma geral), o que é uma tarefa quase impossível. Sempre reclamaremos que seria melhor daquele jeito, ou de outro jeito...

No momento não tenho uma idéia formada sobre uma expansão, apesar de acreditar que a Blizzard já a(s) tenha(m) guardadas a sete chaves. Então, numa tentativa de melhor organizar as idéias lançadas, façamos assim. O que exatamente ficou faltando explicar, ou apresentar, ou nos deixou curioso ou ansioso?

  • As histórias dos seguidores (a história de cada um deles merece uma atenção especial)
  • A história do joalheiro Shen e a sua tão falada jóia
  • A verdadeira história de Adria (lembro-me dela no primeiro jogo, mas por ter jogado em inglês, não consegui guardar praticamente nada referente a historia). Mas, se ela teve um caso com o errante, então já planejava algo desde aquela época, ou o acaso foi que a levou a essa jornada? Também o real paradeiro sumiço de Adria após o conflito com Diablo.
  • A pedra das almas não me pareceu ter sido destruída na animação final do game. Quando Diablo parece ser desintegrado no ar, a pedra cai intacta.
  • Lea e a esperança de salvá-la (estaria a sua alma ainda presa na pedra?)
  • Tyrael assumiria o papel de Decard no game (como guia na história), seria um novo vilão (uma vez que, como homem pode ser possuído, influenciado e corrompido mais facilmente) ou seria um personagem jogável (como uma nova classe – angelical)?
  • O exílio de Inárius
  • Entendi que os Nefalem são resultado de Anjos e demônios que se exilaram da guerra no santuário. E se anjos podem se corromper, por que alguns demônios não poderiam se redimir? Acho que seria interessante a apresentação de duas novas classes para a nova expansão:

  • Um ser angelical em formas humana, como Tyrael, que resolveu se tornar homem para lutar e ajudar os homens diretamente (semelhante ao que fez seu semelhante).
  • E um demônio (em forma meio humana) que, assim como o errante, rei leoric e outros lutaram contra um mal interior – porém não venceram – este teria o objetivo de enfrentar o mal que o amaldiçoou. Seria uma oportunidade de fazer justiça a um personagem errante, como não foi possível com o primeiro personagem da saga...
  • Esperamos que grande parte das nossas humildes expectativas se cumpra em FUTURAS E INÚMERAS expansões.
    Responder Citar
    Eu acredito que dá pra "espremer" duas expansões com certa facilidade... é só olhar a profecia descrita no Book of Cain:
    "And, at the End of Days, Wisdom shall be lost
    and Justice fall upon the world of men.
    Valor shall turn to Wrath -
    and all Hope will be swallowed by Despair.
    Death at last, shall spread its wings over all -
    as Fate lies shattered forever."


    Com certeza buscar algumas alternativas diretamente de The Book of Cain parece ser o mais sensato quanto ao que se criar num contexto generalizado, até mesmo se for considerar uma possível restauração do Mal e Bem primordiais, o tal do Anu e o Dragão.

    Embora eu ache que a história (boa) tenha sido extremamente mal executada em D3 (contada e desenvolvida de maneira infantil, se considerarmos que a idade mínima seja 16...), seria possível adicionar um glamour obscuro para possíveis expansões - ou talvez 1, não faz diferença no momento; e aproveitar uma plétora de coisas e fatos 'pendentes' que devem ter sido deixados assim justamente para fins como o que discutimos neste tópico.

    Na minha cabeça, imagino que explorar o destino de Ádria é um bom começo, mais necessariamente porque as ações dela podem ter tido um cunho de dois sentidos: bom e mal, algo como eu diria Severus Snape. Sabendo de tudo o que ela sabe, que a própria filha seria o Diablo - se ela sabia disso desde sempre ou só depois de ter 'sumido', pode ou não ser uma verdade; ela muito bem poderia ter sacrificado a filha no intuito verdadeiro de matar Diablo, não exatamente por alguma razão bizarra ou malvadeza sem pé-nem-cabeça; MAS também podem inventar uma razão infantilizada para tal ação, o que eu espero que evitem.

    Associando o sumiço dela com o fato o anjo da Sabedoria também não ter paradeiro conhecido, poderia trazer uma oportunidade de criar um Ato (ou dois, sei lá) onde haja o desenvolvimento do contexto de encontrar Ádria (por alguma razão X) e no meio do rolo acabar encontrando o arcanjo sumido e desenvolver uma problemática.

    Com Tyrael escolhendo o asilo no mundo dos homens, mas ainda possuindo PODER, pode ocorrer alguma coisa ali, haja vista que agora ele literalmente está num nível em que o outro arcanjo Imperius não aprova. Esse Imperius podia bater as botas nesse Ato também, logo antes do real problema X ser revelado.

    Olhando o mapa e lembrando de alguns diálogos do jogo, não tem lá muita a coisa a ser explorada ou apresentada como nova para o jogo, a não ser que se visite locais do D2 a fim de investigação para a busca por Ádria - só que essa coisa de ficar buscando por gente sumida ou andarilho e tal já meio que virou clichê também haha.

    Tem a tal da Porto Real, Kurast, Luth Goleim, e outras cidades no mapa pouco mencionadas, como a terra do monge, a ordem dos templários, guilda dos bandidos e mesmo as origens da Enchantress.

    O detallhe sobre uma possível vontade do anjo Malthael de refazer as entidades primas (talvez para que se refaça o mundo ou desfaça todo o mal que acabou assolando a humanidade ou mesmo acabar com tudo) é que Tyrael agora sendo homem não permitiria que Anu se completasse. E com os 7 males destruídos, sabe-se lá como o Dragão voltaria à vida. É aí que entraria a problemática X e todo o conhecimento de Malthael adquiriu ao longo dos tempos, etc, etc.

    Sobre novas classes e afins devido a esse contexto, não pensei muito a respeito. Mesmo que eu ache 5 classes pouco para o Diablo, elas são bem distintas e englobam bastantes aspectos, então fazer novas classes fica um pouco mais trabalhoso. Eu imaginaria algo como um shapeshifter, mudando o corpo para formas de animais (druida), formas elementais (dano mágico e escudos) e formas ilusórias e cópias (tal como assumir forma de um anjo, um demônio ou roubar uma forma/habilidade de algum inimigo na tela).

    Mas o que eu queria mesmo era ter a história contada de forma mais madura...quando eu ouvi a Maghda dizendo algo assim: "Enquanto você bancava a heroína, eu sequestrei seus amigos e capturei todos os fragmentos da espada!" Pensei...tá, vilã. Você faz coisas secretas e me conta? Faltou só dar uma gargalhada malévola. Pior o Azmodan mandando um retroprojetor etéreo ficar falando coisas tolas que sequer dá vontade de dar atenção, ou o Diablo ensinando como sair do mundo do pesadelo dele...

    Mas resumindo (hoho), para expansão:
    Ato 5 - personanges-chave: Tyrael, Ádria, Malthael. Chefe do Ato: Impérius.
    Ato 6 "final" - personanges-chave: Tyrael, Malthael, Diablo. Chefe do Ato: Anu e o Dragão (ambos incompletos, pseudoformas ou algo do tipo).
    Responder Citar
    Mas resumindo (hoho), para expansão:
    Ato 5 - personanges-chave: Tyrael, Ádria, Malthael. Chefe do Ato: Impérius.
    Ato 6 "final" - personanges-chave: Tyrael, Malthael, Diablo. Chefe do Ato: Anu e o Dragão (ambos incompletos, pseudoformas ou algo do tipo).


    sua ideia é boa mais eu achu que tambem vai haver algo com o shen o cobiçoso
    e a pedra que ele tanto procura , ele podi ser o mathael ou o monstro existente na pedra
    pode ser lilith
    Responder Citar
    Shen já revelou que dentro da jóia há uma criatura antiga chamada Dirgest, que ele mesmo aprisionou e que agora está se aproveitando de um defeito nela para roubar a vida de quem a usa.

    PS.: Ele revela no Ato IV.
    Editado por Klapalcius#1978 em 20/07/2012 20:23 BRT
    Responder Citar
    Posts: 1.877
    Bom, tá com cara que anjos caídos surgirão pra garantir o emprego dos Nephalens no Santuário.

    Numa prospecção pra longo prazo, daqui uns 8, 10 anos, acho que a história do Diablo não vai fechar com o D3+expansões. Vai ficar uma lacuna pra iniciar o MMO no mundo do Santuário, pois até lá devem encerrar o WoW.
    Editado por Angeloni#1758 em 01/08/2012 16:52 BRT
    Responder Citar
    Creio que uma ótima ideia para uma expansão seria UMA HISTORIA DIFERENTE PARA CADA DIFICULDADE. quem jogou o jogo e chegou no inferno sabe do que eu estou falando. é MUITO cansativo e repetitivo, desanima o jogador ter que fazer TUDO igual QUATRO VEZES.

    acho que a blizzard deveria investir nao só numa expansao, mas sim numa REFORMULAÇAO da historia do jogo. 4 historias diferentes, uma para cada dificuldade. cada historia seria completada pela proxima, deixando o Diablo, ou um novo boss, ainda mais poderoso, apenas para a ultima dificuldade. existe essa necessidade, de haver uma variedade dentro do jogo. eu conheço muita gente que largou o jogo porque cansou de repetir tudo milhoes de vezes.

    só o que peço é uma diversificaçao para a historia do jogo, pra que, entao, os jogadores fiquem de certa forma "presos" até o fim do jogo, esperando para ver o que está por vir. todos gostamos de surpresas, elas nos prendem nos jogos.
    Responder Citar
    28/06/2012 15:30Citação de LordDragonR
    Poderiam primeiro fazer um DLC onde você deve resgatar a alma de Léa e revive-la, e assim tentar destruir a pedra das almas.

    Concordo , se o ato 4 foi no Paraiso , 0 ato 5 poderia ser no inferno , resgatando a alma da Lea
    Responder Citar
    O que eu acredito que vai ser: será lançado mais alguns atos aonde estariamos a caça da Adria, já que a bandida fugiu no final o Ato III e em busca da vingança por tudo que ela fez.

    O que eu queria que acontecesse: os 7 males dentro da Pedra Negra das Almas (impossível porque Diablo morreu, não foi preso), lá eles juntariam seus poderes e se transformariam novamente no Dragão de 7 Cabeças (pra quem não sabe os 7 demônios se originaram desse Dragão "Deus"), se tornando um Boss impossível de matar.
    Responder Citar
    Bom, pode-se ver na animaçao final, que a "pedra negra das almas" cai do corpo do diablo com destino a terra. Poderia o Hiperius, corrompido pela desgraça que ele julga serem os nefalem e colocar ela bem no bendito lugar onde recebeu o ferimento do Diablo na luta que tem na animação. Faria isso para destruir o mundo dos homens. Unir o mal supremo e um dos arcanjos que regem o paraíso, isso sairia um boss sem precedentes!!!
    Responder Citar
    Uma boa idéia seria:aquela pedra mágica(que não possui forma) que o Joalheiro tanto procura conseguir liberar o mau que há dentro dela(pois ele diz que ela de pouco e pouco esta se liberando),junto com o joalheiro se revelando um Deus e dando a chance de resgatar a alma de Léa que teoricamente esta perdida.Tiraria muitas pontas soltas,Yohoho...
    Responder Citar
    Tem uma coisa que eu acho que passou meio despercebida de todo mundo: Há no jogo uma pista que, acredito eu, seja sobre um terceiro General de Azmodan. Nos fragmentos do diário de Abd Al-Hazir ele menciona que os Goblins Tesoureiros servem a um grande demônio chamado Cobiça, embora Al-Hazir diga que isso não passa de uma lenda. A Cobiça é um dos Pecados Capitais, logo, assim como Ghom é o Senhor da Gula e Cidárea é a da Luxúria, acho que esse chefe deverá dar as caras numa possível expansão.
    Responder Citar
    como tao falando que tera sistema de pvp num futuro proximo, poderiam numa expansao haver escolha pra qual voce seguira pros demonios ou pros anjos. assim podendo haver guerras entre players.
    Responder Citar
    Não se esqueçam de Dirgest (ou algo assim) um demônio localizado dentro de uma joia misteriosa que Shen conta a história, insinuando muitas vezes que ele próprio é um Deus que veio procurar a tal joia perdida. Parece bobagem, mas a história, claro dependendo de como for contada, tem fundamento.

    20/08/2012 09:51Citação de Finwe
    Tiraria muitas pontas soltas,Yohoho...


    Acho extremamente válido uma expansão começando pelo menos com a história sobre a joia de Shen.
    Responder Citar

    Por favor, relate qualquer violação do Código de Conduta, incluindo:

    Ameaças de violência. Nós levamos isso a sério e alertaremos as autoridades apropriadas.

    Mensagens contendo informações pessoais de jogadores. Incluindo endereço físico ou de e-mail, número de telefone, fotos e/ou vídeos inapropriados.

    Assédio ou linguagem preconceituosa. Isso não será tolerado.

    Código de Conduta dos Fóruns

    Relatar mensagem # escrita por

    Motivo
    Explique (no máximo 256 caracteres)

    Reportado!

    [Fechar]