Os Brasileiros.

Geral
Limite de Postagens:
nasci nos USA e garanto:

BRAZILEIROS DEVIA SER PROIBIDOS DE USAQR INTERNET!


Bem preconceituosa essa afirmação, não?
Olá a todos.
Sou novo na comunidade e me deparei com este tópico.
Vamos ver...


Será que só por que SC2 é PAGO, que isso acontece? Será que nesse país, um simples pagamento de 50,00 (6 meses agora é ilimitado) é um filtro tão grande, que remove as pessoas tóxicas?

Não mesmo.
Eu jogo World Of Warcraft a um bom tempo e pode ter certeza que uma possível "Criação de Pedágio" não consegue bloquear pessoas mal educadas.
Servidores brasileiros provaram isso mais ainda.
A questão disso tudo é a Cultura do brasileiro.
Vejo tantas pessoas assim em MMO.
Não tem uma educação consolidada em sua formação cultural, então que o que pode esperar? Que seus herdeiros, sucessores e toda gerações sejam assim.
A tendência é piorar, infelizmente.

Já vi muitos educados, compreensivos e pensantes. Vamos ressaltar essas qualidades também.
Quem sabe a boa educação seja contagiosa um dia.
09/11/2012 00:13Citação de Polo
Bem preconceituosa essa afirmação, não?

Sponjinha = troll
Ele já disse que tinha 80 anos, morava num asilo e dava balão nas enfermeiras pra passar a madrugada jogando

07/11/2012 10:02Citação de ivancype
rapaz, que afirmação é essa? De onde voce tirou isso? Eu já acho que ninguem se importa com os brasileiros...

Alguns jogos multiplayer não-vinculados com steam, esses FPS/MMO que botam propaganda em todo site.
Legal ver a proporção que esse tópico tomou.

A diferença que vejo em comunidades como SC2 se reflete justamente nesse tópico.

Se eu postasse isso em um tópico de um jogo qualquer que muitos citaram, como league of legends, etc.. Muito provavelmente eu seria flameado, e me chamariam de chorão.

Mas aqui a galera discutiu, debateu o assunto e cada um deu sua opnião.

Essa é a diferença que eu vejo por aqui.
cheaters e BM, jogadores infantis existem em todas as regiões e sempre foi assim, e sempre vai ser, sai um patch novo, voltam a criar novos mapa hacks, os que são legit permanecem os mapa hack sempre vão arrumando outras maneiras de zuar e sacanear o game, a comunidade do sc2 ser educada ou não vai de cada um mesmo, o palha são os cheats, e hacks, que muito jogador ruim usa para subir de rank ou ficar la se achando o foda seja qual for o canal, enfim, se for fundado um clã só de players LEGIT des de sempre até o fim, tou dentro. sempre!
A questão é mais cultural, no Brasil a internet é uma terra sem lei, portanto como não existem leis próprias para crimes virtuais, as pessoas vão usar este ambiente pra cometer atos que normalmente não fazem por conta das regras da sociedade.

Um exemplo é controle de operadoras de internet que pouco se preocupam em entregar um produto de qualidade (no caso a conexão) que se você analisar, elas poderiam ser comparadas a estes usuários BM que você citou.

Enquanto não criarem leis especificas para crimes virtuais as pessoas vão continuar achando que xingar alguém na internet, smurfar e usar hackers em campeonatos e outras coisas, não da em nada.
Estão conseguindo entender meu raciocínio?

Boa noite, fica aqui o pensamento.


Seu comentário é simplesmente preconceituoso, aqui no Brasil existe jogadores tão ruins quanto lá fora... A questão é não se julga pessoas pelo seu poder financeiro, muito menos por seu país de origem..
É só ver oque o brasileiro escuta pra ver como ele é.

Eu por exemplo escuto Rock.
Concordo plenamente com o tópico. StarCraft tem uma história complexa(mas não difícil de entender), jogabilidade que exige treino, tem uma grande competitividade, e tem um tema de ficção científica. StarCraft não é apenas um jogo, é um 'universo' a parte.
Eu acho que o fato de pagar elimina muitas pessoas "tóxicas" sim, pois existe uma grande diferença entre esses carinhas que compram só no camelô e uma pessoa que sabe valorizar um bom jogo. StarCraft é para um público seleto. Você pode mostrar o jogo para um colega (até as épicas cinemáticas), e ele pode falar: é... legal. mas depois não mostra nenhum interesse. Como outro pode dizer: nossa que jogo daora!! Não são todos que vão querer se aprofundar na história e pensar em estratégias.
.
.
.
Já vi um documentário na TV sobre o que os americanos pensavam sobre o Brasil. O que eles pensaram: Rio de Janeiro, futebol, mulher pelada, carnaval, Amazônia, samba...
Basta ver os filmes em que aparece o Brasil. Clipes de cantores dos EUA que se passam no Brasil mostram o nosso país totalmente estereotipado. Enquanto eu jogava SC2, já recebi várias vezes comentários estereotipados por eu ser BR.

08/11/2012 00:05Citação de Mamute
Resumindo, brasileiro é uma m. Eu tenho vergonha de ser brasileiro
Quase que concordo com esse comentário, pois nosso país é do tipo "não to nem aí"(não to nem aí com a lei, com a educação, com a saúde, com o meio ambiente, e que se dane). Isso não quer dizer que outros países são uma maravilha, pois não são, mas pelo menos se preocupam com o seu povo e vice-versa.
07/11/2012 11:14Citação de Mamute
Quer saber como fazer um brasileiro? http://www.youtube.com/watch?v=63idzrzp_J8

Exatamente.
12/11/2012 19:00Citação de Giudizio
É só ver oque o brasileiro escuta pra ver como ele é.
Sertanejo universitário, pagode, funk, Latino, esses ritmos do nordeste(axé o outras porcarias) = lixo em estado avançado de decomposição.
Me dá vontade de vomitar dessas músicas. Será que as pessoas não tem cérebro?
http://profile.ak.fbcdn.net/hprofile-ak-snc6/186282_100002217440993_4864276_n.jpg
13/11/2012 02:18Citação de JoãoFernando
É só ver oque o brasileiro escuta pra ver como ele é.
Sertanejo universitário, pagode, funk, Latino, esses ritmos do nordeste(axé o outras porcarias) = lixo em estado avançado de decomposição.
Me dá vontade de vomitar dessas músicas. Será que as pessoas não tem cérebro?
http://profile.ak.fbcdn.net/hprofile-ak-snc6/186282_100002217440993_4864276_n.jpg


Tim maia tocava funk
Gonzaga tocava forró
Zé Ramalho toca desde Brega até MPB

Alias, música que vem de fora do Brasil é a mesma merda ou pior que a daqui.
Parem pra escutar os lixos internacionais que vcs vão ver.
Aposto que muita coisa que vcs escutam ae é lixo musical, só que em inglês.

Generalização NUNCA é legal.
E nunca comfundam Funk com "funk carioca".

Junte-se à conversa