Jaina, a Maga

Jaina, a Maga

Uma das mais poderosas magas de Azeroth, Jaina Proudmore, outrora doce e compassiva, dominou as artes arcanas, enfrentou os demônios da Legião Ardente e o Flagelo dos mortos-vivos e sentiu sua fúria contra a Horda inflamar-se após a destruição de sua amada Theramore.

Jaina_HS_Blog_Thumb_13_GL_500x250.jpg

Ainda criança, Jaina demonstrou grande aptidão para a magia e uma notável solidariedade por seu povo. Ela foi enviada a Dalaran, um reino grandioso, reduto de magos, para aprender a utilizar-se dos poderes do arcano. O arquimago Antônidas, líder do Kirin Tor, percebeu o potencial da garota e decidiu adotá-la como pupila.  

Jaina_HS_Blog_Thumb_12_GL_500x250.jpg

Aplicada e muito talentosa, Jaina logo tomou gosto pelas artes arcanas. Seus estudos e responsabilidades consumiram a maior parte da sua atenção, deixando pouco tempo para buscas mais mundanas. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_5_GL_500x250.jpg

Seu amigo de infância Arthas Menethil, Príncipe da Coroa de Lordaeron, voltou à sua vida durante o treinamento em Dalaran, e os dois se apaixonaram. Todavia, os rigorosos estudos de Jaina e as obrigações de Arthas para com seu reino impediram que o relacionamento passasse de um relacionamento casual, então se separaram abruptamente. Jaina, de coração partido, voltou-se para o conforto de estudos.

Jaina_HS_Blog_Thumb_6_GL_500x250.jpg

Anos mais tarde, uma terrível peste se abateu sobre Lordaeron. Suspeitando não se tratar de uma doença comum, o arquimago Antônidas enviou Jaina, sua estimada pupila, para se encontrar com Arthas e investigar a causa. A peste se espalhava pela região como fogo; por meio de grãos infectados, os aldeões eram transformados em mortos-vivos, abominações decadentes de suas formas pregressas. Os vilarejos de Montalvo e Andorhal já haviam sucumbido totalmente à peste, e Jaina sabia que tinha que buscar ajuda. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_3_GL_500x250.jpg

Jaina logo retornou com reforços: Uther, o Arauto da Luz, e os Cavaleiros do Punho de Prata. Infelizmente era tarde demais. O povo de Stratholme já consumira os grãos e logo sucumbiria à doença. Arthas defendeu a eliminação dos habitantes de Stratholme antes que se tornassem mortos-vivos, mas Jaina ficou horrorizada com a ideia, e Uther negou-se terminantemente a ter as mãos maculadas por um ato tão bárbaro. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_7_GL_500x250.jpg

Sabendo que havia pouca esperança para Stratholme, em um ato de coragem, Jaina reuniu os sobreviventes e fugiu de Lordaeron. Através deste ato, ela salvou milhares de pessoas. Navegando para o oeste, Jaina e seus refugiados chegaram às praias de Kalimdor... e logo descobriram que essas terras haviam sido tomadas por orcs.

Jaina_HS_Blog_Thumb_9_GL_500x250.jpg

Lutando contra a Horda de Kalimdor, Jaina buscou com perseverança um lugar seguro para seu povo. Após encontrar um profeta misterioso, Jaina e os seus aliaram-se à Horda e aos elfos noturnos para derrotar o demônio Arquimonde no Monte Hyjal. Depois de sufocar esta ameaça, Jaina finalmente descobriu um novo lar para seus refugiados em uma ilha na costa leste de Kalimdor, que batizou de Theramore. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_4_GL_500x250.jpg

Enquanto ajudava os refugiados a se reerguerem, as tensões entre seu povo e a Horda ressurgiram paulatinamente. Para garantir a segurança de seu povo, Jaina construiu uma aliança com Thrall, o chefe guerreiro da Horda. No entanto, a situação se agravou quando Rexxar, campeão da Horda, alegou que humanos foram enviados para assassiná-lo. Jaina nada sabia sobre a tentativa de assassinato, mas se ofereceu para ajudar Rexxar a investigar quem estava de fato por trás dos atentados contra sua vida.

Jaina_HS_Blog_Thumb_11_GL_500x250.jpg

Para seu desalento, Jaina descobriu que Daelin Proudmore, Lorde Almirante da Aliança, estava por trás do atentado à vida de Rexxar. Daelin nutria um ódio profundo e antigo pela Horda, e nada o impediria de varrê-la da face de Azeroth. Jaina interviu junto ao pai para pedir que parasse e deixasse os orcs em paz, temendo que sua interferência comprometesse a segurança do povo de Theramore, mas ele se negava. Daelin e suas forças se lançaram em combate contra Rexxar e a Horda, mas não eram páreo para seus números e sua ferocidade. Daelin morreu nas mãos de Rexxar, e Jaina pranteou, lamentando que o pai não tivesse ouvido seu conselho.

Jaina_HS_Blog_Thumb_8_GL_500x250.jpg

Jaina continuou a manter um relacionamento tenso entre Theramore e Orgrimmar, sabendo que, para confrontar as ameaças em potencial, mais vale uma aliança do que um povo dividido. Essa aliança foi fundamental quando o Flagelo  começou a se erguer no continente gelado da Nortúndria. Havia um terrível eco do seu passado no reino dos mortos-vivos à frente de todas as suas ações: Arthas Menethil, agora o Lich Rei. Ela estava determinada a salvar seu antigo amor das garras da maldição, mas parecia que já não restava mais nada do Príncipe de Lordaeron. Entretanto, a humana contribuiu para o avanço das forças da Aliança rumo ao coração da Nortúndria para purgar a terra do mal que a invadia. Com a vitória de suas forças, havia apenas um pequeno traço no Lich Rei capaz de alimentar esperanças em Jaina de que ainda restava algo de Arthas: um pingente dado por ela num distante passado. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_16_GL_500x250.jpg

Com a liderança da Horda passada às mãos de Garrosh Grito Infernal, o novo chefe guerreiro assumiu a responsabilidade de eliminar rápida e brutalmente os membros da Aliança presentes em Kalimdor, a começar por Theramore. As forças de Garrosh desenvolveram uma bomba de mana e a plantaram na cidade, que de nada suspeitava, varrendo-a com rapidez e brutalidade da face de Azeroth. Incontáveis vidas, as vidas de seu povo, foram dizimadas num piscar de olhos. Jaina foi uma das poucas sobreviventes da explosão — mas sairia transformada do evento; seus cabelos e olhos tornaram-se alvos como a neve, e sua visão da Horda, de pacífica e compreensiva, tornou-se cruel, fria e brutal. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_2_GL_500x250.jpg

Atual líder do Kirin Tor, a recente agressividade que Jaina desenvolveu frente à Horda está longe de ser gratuita. O poder mágico primevo e a fúria fervilhante de Jaina Proudmore não devem ser subestimadas. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_1_GL_500x250.jpg

Jaina Proudmore é uma maga habilidosa com uma quantidade enorme de feitiços arcanos a seu serviço. Além de explodir seus inimigos com fogo criar barreiras protetoras, Jaina pode evocar Elementais da Água para as linhas de frente para protegê-la na batalha. Estes aliados  poderosos podem dar um banho de água fria nos adversários! Os elementais mandam quem os ataca "ficar frio" por uma rodada, impedindo o agressor de atacar até o gelo derreter. 

Jaina_HS_Blog_Thumb_CardOnly_GL_500x250.jpg

Esperamos que tenha gostado de dar uma olhada na história de Jaina e seu papel no Hearthstone. Que classe você quer ver da próxima vez? Dê sua opinião nos comentários a seguir!

Leia sobre a história dos outros heróis de Heroes of Hearthstone aqui: RexxarGul’dan - Valira - Anduin - Thrall

Carregando Comentários...

Um erro ocorreu durante o carregamento.