StarCraft® II

Novo em StarCraft II? Experimente grátis já
A página que você está vendo ainda não está disponível no site novo de StarCraft II, mas pode ser acessada no site clássico abaixo!

BWC - StarCraft II - Resumo do Segundo Dia (Spoilers)

BWC - StarCraft II - Resumo do Segundo Dia (Spoilers)

O segundo e último dia da competição no Battle.net World Championship começou com os melhores 16 jogadores do mundo, cada um com dois jogos contra grandes competidores na rodada de grupo no primeiro dia – deparando-se com uma eliminação individual, em uma chave direta, composta de cinco jogadores da Coreia do Sul, cinco jogadores da Europa, cinco jogadores das Américas e o incrível Yang “Sen” Chia Cheng de Taiwan.

A rodada de 16

O segundo dia do torneio começou com uma série de jogos rápidos e intensos, já que 8 jogadores foram rapidamente removidos da competição, em uma rodada de melhor de cinco jogos.

Sasha “Scarlett” Hostyn foi primeira colocada no Canadian Nationals e nas North American Finals, mas, ela não conseguiu derrotar o sul-coreano Won “PartinG” Lee Sak, que arrasou com Scarlett em três jogos consecutivos. Neste ponto do torneio, PartinG estava invicto.

O “32º jogador” convidado, USA’s Conan “Suppy” Liu (que substituiu o segundo colocado nas Canadian Nationals, Christopher “Ostojiy”, quando Ostojiy recusou o convite) continuou traçando seu improvável caminho para as Global Finals, tirando o campeão das European Nationals Anton “LoWeLy” Plebanovich da Bielorrússia por 3 a 1, em seu consecutivo triunfo ZxZ.

O Campeão do Taiwan National Yang “Sen” Chia Cheng se deparou com um sério desafio ZvZ na rodada de 16 jogadores: o sul-coreano Lee “Curious” Won Pyo. No Dia 1, Curious havia eliminado MajOr e herO para garantir sua vaga, e a multidão ficou surpresa de ver Sen eliminando Curious por 3 a 0.

O campeão da Denmark National Jon “BabyKnight” Andersen havia enfrentado somente jogadores Protoss ao ficar invicto no Dia 1. Ele teve que enfrentar o terceiro colocado das Asian Continental, Song “HerO” Hyeon Deok. HerO marcou um decisivo 3 a 1, perdendo um jogo no Ohana, tirando BabyKnight da competição.

Durante o primeiro dia, talvez a performance mais discutida tenha sido a do quarto colocado nas USA Nationals Greg “Idra” Fields, que não perdeu um único jogo, tirando RorO e Stephano do Grupo E. E talvez a maior surpresa do Dia 1 foi BabyKnight ganhando fácil sobre o grande campeão das Asia Finals Jung “Rain” Yoon Jong. A partida de Idra e Rain na rodada de 16 foi super difícil de prever, mas aqueles que gostam de dar palpites não precisaram esperar muito, já que Rain abriu a liderança de 2 a 0 e logo marcou 3 a 1.

E ninguém podia imaginar no que poderia acontecer no confronto entre o campeão da Federação Russa Oleg “TitaN” Kuptsov e o campeão das South American Continental, Felipe “KiLLeR” Zuñiga. KiLLeR tinha duas vitórias no Grupo C contra oponentes Protoss, e TitaN passou rápido pelos sul coreanos que encontrou no Grupo F. Killer respondeu rapidamente e eliminou TitaN com 3 a 0. KiLLeR então enfrentaria Rain na rodada de 8 jogadores.

O Terrano norte-americano Chris “Illusion” Lee tinha mostrado apenas uma fraqueza no Dia 1, perdendo 0 a 2 para o Protoss sul coreano PartinG, mas conquistou seu lugar na rodada de 16 ao ganhar do Terrano Fenix. Ele se deparou com outro Protoss, o campeão das South Korean Nationals, Jang “Creator” Hyun Woo, e simplesmente não conseguiu encontrar uma forma de ganhar em Ohana, Vale Perdido ou Reino das Nuvens. Creator passou fácil.

O Jogo dos Irmãos

Uma das partidas que com certeza era esperada por muitos neste World Championship Series aconteceu neste dia, com o conflito inevitável dos irmãos, o Terrano Pedro “LucifroN” Moreno Duran e seu pequeno irmão Zerg Juan “VortiX” Moreno Duran. O curioso é que o time dos narradores também incluiu Sean “Day[9]” Plott e seu irmão mais velho Nick “Tasteless” Plott. Day[9] e Tasteless não narravam um jogo juntos há anos, e finalmente aconteceu nesta ótima oportunidade. Em todos os cantos da internet em que o WCS era discutido, existia a especulação se os organizadores do evento poderiam trazer os irmãos Plott para narrar o jogo dos irmãos Duran.

Os dois irmãos tiveram um desempenho memorável, e LucifroN e VortiX precisaram de cinco jogos difíceis para decidir quem iria enfrentar Creator, e quem iria ver o jogo sentado na platéia. Depois de perder por 1 a 2, VortiX voltou com tudo em Reino das Nuvens e Altar Tal’Darim , ganhando por 3 a 2, avançando no torneio, enquanto os irmãos Plott se abraçavam na bancada.

A rodada dos 8

No primeiro jogo, Suppy ganhou dois jogos rapidamente contra PartinG, mostrando que o norte americano estava se estabelecendo como um jogador emergente. Mas, perdendo de 0 a 2, PartinG acabou mostrando uma resiliência incrível, levando a disputa para o quinto jogo, acabando com as esperanças do norte americano em um PvZ decisivo em Reino das Nuvens, avançando entre os quatro finalistas.

Foi um jogo de quartas de final incrível para HerO e Sen, e Sen era impulsionado pela torcida de seu país. As coisas não ficaram boas para ele depois que HerO abriu vantagem de 2 a 1, o que acabaria mandando o jogador para casa com uma posição entre 5º e 8º. Mas, Sen estava pronto para o desafio, primeiro em Reino das Nuvens, e depois no jogo decisivo em Altar Tal’Darim, onde provou que sua jornada épica no BWC não foi em vão, derrotando HerO por 3 a 2, conseguindo um confronto na semi-final contra PartinG.

Rain foi o quarto Protoss consecutivo que KiLLeR enfrentou neste torneio, e alguns previam que sua supremacia no ZvP continuaria. Mas, Rain não pensava assim, e KiLLeR não foi nada feliz. Rain foi o primeiro sul coreano que o Zerg chileno enfrentou em Xangai, e Rain conseguiu o terceiro lugar nas semi finais, com um ótimo desempenho de 3 a 0.

Na última partida das quartas de final, Creator encontrou Vortix. O espanhol pegou a primeira vantagem com uma vitória em Ohana, e depois perdeu duas, em Estaleiro de Antiga e Reino das Nuvens e depois voltou a empatar em 2 a 2. A luta final trouxe uma clássica performance entre PvZ, que levou Creator a ser o terceiro sul coreano a entrar nas semi-finais.

As Semi-finais

Para começar, o campeão de Taiwan encontrou o segundo colocado do WCS Asia Finals PartinG. Foi um difícil confronto de três jogos, com o Protoss mandando o Zerg para a disputa de terceiro lugar, em uma performance impecável, sem cometer erros do qual Sen pudesse se aproveitar.

Na outra semi-final, os rivais Rain e Creator mostraram um confronto PvP. Os dois haviam se encontrado na sexta rodada das South Korea Nationals, na qual Creator eliminou Rain no seu caminho para o primeiro lugar no campeonato nacional. Creator ganhou a primeira, depois Rain ganhou, depois Creator, depois Rain. O confronto acabou no jogo de eliminação, onde a história se repetiu e Creator levou por 3 a 2, indo para a final com PartinG.

Terceiro Lugar

No jogo de consolação, os problemas contra os Protoss coreanos continuaram e Rain se aproveitou disso, ganhando três jogos e conseguindo o prêmio de US$16.000 pelo terceiro lugar.

O Campeão Mundial Coroado

Este jogo possui história. Em agosto no WCS South Korea Nationals, PartinG e Creator se encontraram no penúltimo jogo, com uma vitória de 2 a 1 para Creator, que mandou PartinG para o terceiro lugar, já que ele já havia perdido para quem viria a ser o segundo lugar, Squirtle. Chegando na Grande Final, PartinG estava com um histórico de grandes vitórias: Scarlett, Suppy, e Sen. Creator, por sua vez, trilhou um caminho mais complicado, acabando com Illusion, mas sofrendo um pouco com VortiX e Rain.

Os Dois Mestres e o ShoW PvP

O microgerenciamento de PartinG foi lendário. Creator desafiou PartinG com Translação de Tormentos, e PartinG demonstrou um perfeito manejo das Prismas de Dobra, usando sondas para derrubar os escudos dos Imortais de Creator.

Depois de quatro jogos os finalistas estavam 2 a 2, com Creator forçando um GG de PartinG. Depois de um microgerenciamento incrível no quinto jogo, PartinG ganhou a sexta partida.

PartinG chegou forte com os tormentos e Creator respondeu com Imortais. Esse foi o tom do jogo, onde PartinG manteve a vantagem agressiva até que Translação estivesse disponível, e assim mostrando que o que os Tormentos podiam fazer nas mãos de um campeão. Creator foi com tudo antes de sucumbir, e PartinG levou a vitória de 4 a 2 e os US$100.000 pelo primeiro prêmio.

Obrigado a todos os participantes, e parabéns aos vencedores do Battle.net World Championship 2012!

Você pode ver os replays do segundo dia aqui, inclusive ambos streams da Grande Final.

Tags: BWC, Finais

Carregando Comentários...

Um erro ocorreu durante o carregamento.