StarCraft® II

StarCraft II - Perguntas e Respostas Sobre Desenvolvimento Criativo - Parte 7

StarCraft II - Perguntas e Respostas Sobre Desenvolvimento Criativo - Parte 7

Na parte sete de nossa série, Brian Kindregan, um dos escritores principais de StarCraft II: Wings of Liberty  e escritor principal de Heart of the Swarm, responderá mais perguntas instigantes da comunidade sobre a história do jogo.


Pergunta: Os Protoss e os Zergs sabem da existência dos Terranos da Terra e de sua localização?

Resposta: Pergunta excelente. Os Protoss certamente sabem que existe um planeta natal Terrano em algum lugar, mas não estão interessados em encontrá-lo. Simplesmente não querem se envolver. Se um dia decidissem encontrar o planeta que gerou os Terranos, tenho certeza de que seria fácil para eles. Mas as mentes deles simplesmente não funcionam dessa forma.

Eu acho que os Zergs devem saber. Um número razoável de cérebros da CTU foi exposto ao Enxame, inclusive Stukov, quando ele foi infestado. Mas o Enxame já está ocupado demais no Setor Koprulu. Tenho certeza de que marcaram o local da Terra para uma expansão futura... mas no momento é só.

Pergunta: Tassadar e a Supermente são um só agora?

Resposta: Não agora. Mas algo feito a Supermente não morre de imediato. Algumas sinapses ainda funcionam por algum tempo até a atividade geral cessar. E no momento do impacto desses dois organismos, eles se tornaram um por um breve instante. Seus corpos colidiram, mas suas funções elevadas, em escala psiônica, também se fundiram. Há um precedente para isso: lembrem-se de que a mente de Zeratul tocou a Supermente brevemente ao matar Zasz.

Zeratul estava vendo Tassadar? Ou uma lembrança de Tassadar? Ou a Supermente estava tentando se comunicar como Tassadar? Ou uma mescla dos dois? São muitas possibilidades. O que vocês acham?

Pergunta: Por que a Rainha das Lâminas criou mães de casta (as que aparecerão em HotS)? Se ela antes destruiu um monte de cerebrados para ter o controle inconteste do Enxame, por que ela criou indivíduos altamente inteligentes para governar ao seu lado? Controlar o Enxame inteiro é tão trabalhoso que ela teve que pedir ajuda? Os zergs passam informações de um planeta a outro? Ela precisa de generais que tomem decisões em seu lugar quando ela estiver em outra parte? Ou o plano era ter alguém para assumir seu lugar se ela morresse? E nesse caso, por que criar várias mães de casta em vez de apenas uma? Alguma ideia?

Resposta: Temos muitas ideias, sim. A Rainha das Lâminas, com seus níveis semidivinos de poder psiônico, podia controlar bilhões de organismos em locais diferentes ao mesmo tempo. Mas possuir tenentes com inteligência aumentou ainda mais o seu controle. Além disso, ela descobriu a falha inerente à mente-colmeia zerg quando a Supermente foi destruída. Para que o Enxame prosperasse, era necessária uma salvaguarda caso seu líder morresse. Em BW, a Rainha das Lâminas usou os zergs como ferramenta e não se importou com o que aconteceria com eles se ela morresse. Mas nos anos que se seguiram ela começou a construir um Enxame que perduraria mesmo após sua morte. Ela mudou de pensamento? Adotou uma tática nova? O que vocês acham?

Ela matou todos os cerebrados porque eles tentariam formar uma nova Supermente se nenhuma existisse. Então ela não poderia confiar neles. Mães de casta, por outro lado, foram criadas desde o início pela Rainha das Lâminas.

Ela tornou as mães de castas poderosas e independentes, pois percebeu que os zergs eram mais fortes quando tinham que lutar contra alguma coisa, quando tinham que se adaptar, mudar e crescer. E ela fez várias mães de casta pelo mesmo motivo. Não estava paparicando uma sucessora digna. Estava criando muitos seres cruéis e astutos, sabendo que apenas uma subiria ao topo da cadeia de comando caso a Rainha desaparecesse.

Pergunta: Tenho me perguntado sobre as capacidades mentais dos Protoss. Pelo que vi até agora, eles são mentalmente avançados, no sentido de que possuem poderes psiônicos. Mas isso também pode significar que não são intelectualizados, já que desenvolvimento mental nem sempre significa desenvolvimento lógico. (Mesmo ambos sendo facetas da mente, um é uma manifestação física, como os elos psiônicos, enquanto o outro é puro desenvolvimento/capacidade de pensamento etc.) Parece-me que os Protoss na verdade são menos mentalmente desenvolvidos que os humanos. Pelo que pude ver, os cristais que os Protoss usam criam toda a tecnologia deles. Eles parecem cometer atos de "honra" e "heroísmo" que me lembram a Idade Média, e os valores daquela era se originaram de um conhecimento do mundo extremamente limitado.

Resposta: Outra excelente pergunta. Os Protoss são assustadoramente inteligentes. Os cristais deles são incríveis, bem como suas naves-mãe e colossos. Os Protoss desenvolveram essas tecnologias. Eles as mantêm e podem criar tecnologias ainda mais impressionantes se quiserem.

O fato é que os Protoss não foram concebidos para a lógica humana, de forma alguma. Eles pensam de maneira bem diferente da nossa. E têm protocolos de raciocínio e prioridades diferentes dos nossos. Não há como negar: muitas coisas que eles fazem parecem erradas e estranhas aos Terranos. Sabem como os Protoss veem as ações dos Terranos? Como tolas e erradas. A consciência compartilhada deles, suas longas memórias e a idade de sua raça, combinadas, os tornam uma raça mais misteriosa, cautelosa e orgulhosa do que os Terranos.

Pergunta: Por que os Zergs dominam tão poucos planetas? Eles são uma espécie tão expansionista, eu achava que o império deles seria maior. As áreas habitadas por Zergs e Protoss também parecem estar distantes o suficiente para que aqueles possam se expandir sem interferência destes. A mesma pergunta vale para os Protoss. Pelo menos os Protoss têm mais planetas mencionados em livros, além de Aiur e Shakuras. Mas apenas Aiur aparece listado no guia de jogo. E por que Char e Aiur são domínio de duas espécies? Principalmente Char. Eu pensava que os humanos não iam querer ficar por muito tempo em um planeta tão volátil feito Char.

Resposta: A rainha das Lâminas levou o Enxame de volta a Char e o deixou lá. Ninguém sabe o porquê... ainda. ;) Mas se ela tivesse continuado a expandir, não há dúvidas de que os Zergs teriam aberto uma trilha de destruição em inúmeros planetas. No entanto, há um limite para a expansão do Enxame; os Zergs são bons em atacar planetas, mas não em mantê-los.

Os Protoss de fato têm mais planetas além de Aiur e Shakuras. Quanto ao motivo dos Terranos quererem a posse de Char... Ora, por que os gananciosos terranos fazem qualquer coisa? Há muitos recursos minerais valiosíssimos naqueles rios de lava!

Se você quer mais informações sobre a história, eis a parte 1 do nosso Perguntas e respostas sobre desenvolvimento criativo,a parte 2, a parte 3,a parte 4, a parte 5 e a parte 6. Teremos muito mais perguntas e respostas para você nas próximas semanas.

Carregando Comentários...

Um erro ocorreu durante o carregamento.