StarCraft® II

O Corvo é pau para toda obra, combinando funções de vigilância e engenharia de combate. Visto comumente nas colônias de mundos independentes, estes robustos veículos aéreos são construídos para operar sozinhos em áreas onde o clima é extremo. Corvos são excelentes para proteção e missões de reconhecimento devido a suas Torres de Artilharia automatizadas defensivas e seus sensores avançados, capazes de detectar inimigos entocados ou camuflados. A Supremacia terrana havia criado os Corvos para proteção de baixo nível em seus postos avançados; entretanto, têm sido utilizados com maior frequência em áreas de combate para substituir a velha – e cara – Cosmonave científica.
Heart of the Swarm Wings of Liberty
Estatísticas

Modelo 3D

Informações básicas

Raça: Terranos
Vida: 140
Energia: 200
Blindagem: 1 (1)
Movimento: Normal
Atributos: Leve - Mecânico

Produção

Treinado em: Estaleiro sideral
Tecla de atalho: C
Exige: Laboratório técnico
Custo: 100 200
Suprimento: 2
Prazo: 60

Combate

Aprimoramentos:
Habilidade:

Modelo 3D

Informações básicas

Raça: Terranos
Vida: 140
Energia: 200
Blindagem: 1 (4)
Movimento: Normal
Atributos: Leve - Mecânico

Produção

Treinado em: Estaleiro sideral
Tecla de atalho: C
Exige: Laboratório técnico
Custo: 100 200
Suprimento: 2
Prazo: 60

Combate

Aprimoramentos:
Habilidade:

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

O computador do Corvo abriga a IA central que regula todos os sistemas críticos da nave - monitorando de perto variáveis como condições, temperatura, níveis de energia e ameaças externas. Ele processa bilhões de instruções por segundo, conferindo ao Corvo ampla capacidade de raciocínio e tomada de decisões. Alguns consultores militares declararam anonimamente que uma IA tão poderosa poderia adquirir senciência e causar um desastre. Até o momento, não há provas de tais afirmações - e portanto, nada com que se preocupar.
Camadas de novoaço e um trançado sintético formam grande parte da fuselagem do Corvo, com fábrica espacial entre cada camada para prover insulação para componentes internos. Os lemes estabilizadores e pontos-chave da estrutura são equipados com poros microscópicos, que permitem o lançamento de uma solução que quebra formações de gelo ou resfria a fuselagem - dependend do ambiente. Mais melhorias e ajustes foram feitos recentemente, conforme a nave transiciona em um papel mais ativo nos conflitos que se intensificam.
O Corvo é equipado com uma planta avançada. Centenas de milhares de nanorobôs constróem uma diversdade de equipamentos críticos para missões, como por exemplo: torres de artilharia automatizadas, dróides de defesa pontual e mísseis teleguiados. As capacidades de produção dão ao Corvo uma capacidade operacional maior do que a dos seus antecessores, as Cosmonaves Científicas.
Os Corvos possuem sistemas de vigilância e reconhecimento de último tipo. Dois radares, operando em altas e baixas frequências respectivamente, e quatro câmeras multi-espectrais de alta definição permitem adquirir e rastrear alvos a longas distâncias. Quando o radar de baixa frequência da cosmonave detecta anomalias, algorítimos de detecção heurística - em conjunto com detectores de calor e elétricos - varrem a área para encontrar quaisquer ameaças camufladas. Os Corvos se tornaram mais comuns em todo o setor, mas muitos se perguntam se a "proteção" que eles oferecem é apenas uma desculpa que a Supremacia usa para espiar seus cidadãos.
0.45 0.45 0.70 0.54 0.22 0.59 0.62 0.27

Manual de Voo

  • Apoia unidades com sua habilidade de detecção e mísseis teleguiados. Pode utilizar suas Torres de artilharia automatizadas e Drones de defesa pontual.
  • Utilize-o para revelar unidades entocadas ou camufladas ou desmascarar alucinações, e para apoiar suas tropas.
  • Vulnerável ao fogo inimigo. Mantenha-o protegido e associado a uma tecla de atalho diferente dos outros grupos de controle.
  • Distraia o inimigo com um ataque na frente de batalha e mande alguns Corvos para descarregar as Torres de Artilharia Automatizadas atrás das linhas minerais do inimigo.
  • Acione o Drone de defesa pontual para proteger suas unidades de mísseis inimigos.

Aprimoramentos

  • Reator corvídeo: aumenta em 25 pontos a energia inicial dos Corvos.
  • Bens duráveis: Aumenta a duração do tempo de uso das Torres de Artilharia automatizadas, Mísseis teleguiados e Drones de defesa pontual.
  • Míssil teleguiado: permite que os Corvos utilizem a habilidade Míssil teleguiado. Este míssil rastreia seus alvos, tem combustível para 15 segundos causa até 100 pontos de danos de área.

Contramedidas

Terranos VS
  • Coloque Torres de mísseis atrás de seus minérios e envie Soldados ou alguns Thors.
  • Ataque-os a partir de vários flancos caso tenham a habilidade Míssil teleguiado. Prepare-se para correr se eles lançarem o míssil.
  • Use a Munição PEM dos Fantasmas para sugar a energia dos Corvos.
Zerg VS
  • Use a Rainha com algumas Colônias de esporos bem colocadas no mapa.
  • Tente não deixar suas unidades concentradas numa área. Ataque a partir de pelo menos dois lados.
  • Mutaliscas são excelentes para derrotar os Corvos devido à sua velocidade superior: elas conseguem escapar de Mísseis teleguiados com facilidade.
  • Se você tiver Hidraliscas, certifique-se que elas tenham os Ferrões aprimorados. Ataque pelos flancos ou espalhe-as na frente de batalha. .
Protoss VS
  • Proteja suas sondas com Canhões de fótons.
  • Concentre o fogo de Tormentos contra os Corvos. Prepare-se para usar Translação para escapar dos Mísseis teleguiados ou acabar de vez com um Corvo avariado.
  • Use a habilidade Feedback dos Templários supremos para sugar a energia dos Corvos e danificá-los. Mesmo com toda sua energia, os Corvos morrerão com um só ataque com esta habilidade.
  • A Fênix é rápida e causa danos extras em Corvos. A velocidade lhe dá uma boa chance de escapar dos mísseis teleguiados.

Carregando Comentários...

Um erro ocorreu durante o carregamento.