Prévia das Áreas de Mists of Pandaria - Vale dos Quatro Ventos

Você já explorou a imensa Floresta de Jade, presenciou a grandeza do Coração da Serpente e experimentou a imponência do Templo da Serpente de Jade. Você encontrou os nobres jinyus e os hozens boca-suja, e já se deparou com os cruéis mogus. Agora você se encontra no limite da floresta, diante de uma planície verdejante banhada de sol: o Vale dos Quatro Ventos

Monk Mistweaver Hero

 Valley of the Four Winds Hero

Hoje nós vamos falar com Paul Kubit, Designer de Missões, sobre o Vale dos Quatro Ventos.

 

P. Você pode nos dizer quais são seus três lugares favoritos, ou locais que os jogadores não podem deixar de visitar ao se aventurarem pela região?

R. Antes de mais nada, preciso dizer que o Vale dos Quatro Ventos pode se gabar de ter algumas das paisagens mais bonitas do jogo. As palavras não fazem jus ao visual: basta encontrar um ponto elevado, escolher uma direção e olhar para o horizonte. Ou descobrir um cantinho mais recôndito do mundo e procurar por algo escondido. Você vai ficar impressionado com as coisas que irá encontrar. Mas, de qualquer forma, eu tenho, sim, alguns lugares favoritos para os quais quero chamar a atenção.

Um dos locais que você precisa visitar é a Cervejaria Malte do Trovão. É a única masmorra da região, mas não se trata apenas de uma fachada vazia. A cervejaria faz parte de um dos mais importantes arcos de história da região, e você irá visitá-la mais de uma vez em suas missões pelo Vale dos Quatro Ventos. A cervejaria anda passando por tempos difíceis, pois a maioria dos Maltes do Trovão que a mantém partiu para o outro lado da muralha para ajudar na luta contra os mantídeos. O resultado final: uma masmorra leve, divertida e frenética, com algumas das missões mais cativantes que já criamos até hoje.

Depois disso, eu daria uma passada no Coração da Terra, que é o celeiro de Pandária. O Coração da Terra se baseia nas fazendas multicoloridas que aparecem em alguns pontos mais remotos da Ásia, e o local está repleto de enormes frutas e legumes nutridos pelas águas puras e místicas do Vale das Flores Eternas, ao norte. Eu gosto do Coração da Terra porque não há nenhuma área parecida em World of Warcraft, e lá estão algumas das nossas missões diárias mais interessantes.

Por último, eu realmente gosto da Ravina Paoquan. É uma área de floresta densa e enevoada, que faz contraste com as planícies abertas do resto da região e também sugere como devia ter sido o Vale dos Quatro Ventos antes de os pandarens o cultivarem, há tantos anos. A Ravina Paoquan abriga alguns dos personagens mais interessantes do vale, além de algumas cenas memoráveis. Mas eu não vou dizer mais nada sobre isso... o melhor é descobrir por conta própria.

P: O que você pode nos dizer sobre as histórias no Vale dos Quatro Ventos?

R: A maior parte das histórias no Vale dos Quatro Ventos tem uma abrangência mais modesta e local. Você viaja de fazenda em fazenda, de cidade em cidade, resolvendo os problemas das pessoas pelo caminho. Não há uma ameaça global que precise ser impedida, nem cultos sombrios para desmantelar, nem males ancestrais sepultados sob a terra (pelo menos, não que saibamos). O tema é mais leve, o que é um contraste bem-vindo com as histórias mais sombrias que você pode encontrar em outras partes do continente.

Assim que pôr os pés no vale, você encontrará um nome conhecido (embora o rosto não seja): Chen Malte do Trovão. Também é a primeira visita de Chen a Pandária. Ele foi criado na Ilha Errante e, por isso, irá explorar a terra junto com você. Além disso, trouxe com ele a sobrinha Li Li: ela está sendo treinada pelo tio em algo que ele chama de "Caminho do Andarilho". Grande parte da história do Vale dos Quatro Ventos diz respeito às aventuras de Chen e Li Li enquanto descobrem mais sobre sua linhagem e aprendem o que significa ser um Malte do Trovão de verdade.

O Vale dos Quatro Ventos também é o ponto de partida para uma história mais ampla que abrange tanto o Vale quanto a Selva de Krasarang. Na Fazenda de Pang, nos limites a leste da região, você encontrará um quinteto de aventureiros: três pandarens, um hozen e um jinyu, todos recém-formados pelo Monastério de Tian. Estão procurando pelo lendário "Mestre Oculto", que — assim eles acreditam — pode ajudá-los a continuar seu treinamento. Eles decidem se dividir, e cada um escolhe seguir um dos Quatro Ventos, encontrando novas aventuras individuais ao longo da jornada. Os jogadores que seguirem todos os quatro aventureiros em suas respectivas jornadas irão participar de um evento especial e épico que será lembrado durante muito tempo nas duas regiões.

P: Que facções nós vamos encontrar no Vale dos Quatro Ventos? E quanto às missões diárias?

R: No centro do vale, você encontrará a cidade pandariana de Meia Colina, lar dos Lavradores. Essa é a facção de fazendeiros de Pandária. Os Lavradores são um sindicato de fazendeiros que mantém e cultiva a terra, e no nível 90 você tem a oportunidade de se unir a eles e tentar a sorte na plantação.

Trabalhar com os Lavradores lhe dará acesso a muitas missões diárias, e você enfrentará os hozens Kunzen, que andam destruindo as plantações, ou os leporinos vermingues, que escavam túneis por debaixo das fazendas. Você terá que espancar marmotas, dar banho de água fria em galos apaixonados e arrancar ervas daninhas que também querem arrancar sua cara... enfim, coisa normal de fazenda. E à medida que os dias passam, você também reforçará sua amizade com os habitantes de Meia Colina, para assim cair nas graças deles e ser convidado para o Sindicato dos Lavradores.

O mais empolgante é que a facção dos Lavradores dá acesso a um dos novos sistemas de jogo de Mists of Pandaria: a fazenda do jogador. O Fazendeiro Yoon, também recém-chegado à área, pede que você o ajude a melhorar a Fazenda Sol Cantante, de propriedade dele. Você pode plantar nos campos da fazenda e voltar no dia seguinte para coletar frutas e legumes maduros, que podem ser usados em receitas ou vendidos no Mercado de Meia Colina. Ao progredir nas fileiras do Sindicato dos Lavradores, terá acesso a novas sementes para plantar, o que permite que plante seus próprios materiais de produção! Além disso, há vários aprimoramentos e expansões legais para sua fazenda. Tem até uma mascote plantável.

  
  
  

E isso é tudo na nossa prévia do Vale dos Quatro Ventos. Da próxima vez, nós vamos seguir o vento sul até a luxuriante Selva de Krasarang.

Carregando Comentários...

Um erro ocorreu durante o carregamento.