Pandaria - acertos e erros

Sacerdotisa Pandarena 90
14370
Último patch maior de conteúdo saiu e todos sabemos que a próxima expansão está em produção a todo vapor e é mais provável que um novo Big Bang ocorra do que a Blizz não anunciar a próxima expansão até o final do ano.

Agora, o que a Blizz acertou? No que ela errou? Cite e explique. Vamos dar nossa opinião para termos uma próxima expansão ainda melhor.

Nota: algo que eu coloque como "acerto" pode também estar nos "erros" por um motivo em particular, ou seja, não foi perfeitamente colocado, mas trouxe algo positivo.

Nota 2: embora comentar/questionar o que alguém postou não seja o objetivo real do tópico, sinta-se livre em fazê-lo.

Acertos:

Quests em Pandaria: Foi extremamente agradável upar em Pandaria, embora eu evite Krasarang Wilds (mais por motivos de querer eficiência na hora de upar), ainda não fui afetado pelo “my god, tenho que ir para Outlands... não, vou upar só em dungeons”, e upei todos os meus personagens para o 90.

Normal dungeons: Simples, fáceis, sem problemas, o que é ótimo no período de up.

Challenge Mode: Não usei muito por falta de tempo, mas o pouco que tentei fazer foi ótimo. 5.4 ainda deu mais motivos para batalhar pelo melhor tempo. Ótimo para quem quer um desafio e sem influenciar os demais modos de jogo.

Raros de Pandaria: Quase todos tem um loot único. Respawn mais frequente amplia suas chances de bater com um durante explorações e encontrar um pela primeira vez normalmente significava morte sem overgear/conhecimento prévio das habilidades.

Dailies: Inúmeros quest hubs no começo, inúmeros objetivos a serem perseguidos. Muita coisa para fazer.

The Lorewalkers: Melhor facção de Pandaria. Simples assim. Ajudou e muito a contar a história.

Raids: Embora Heart of Fear tenha traumatizado alguns, as raids de Pandaria foram muito boas como um todo (é claro que sempre tem aquele chefe imbecil).

World Bosses: Sempre me questionei porque não havia inimigos “incrivelmente poderosos” no mapa do Cataclysm (whale shark não conta), não sei porque, prefiro essa ideia a Baradin Hold.

Resiliência base: Mais fácil entrar num BG sem virar free kill. Posso andar no mapa com minha gear de PVE e fazer minhas quests sem correr o risco de ser desintegrado sem chance de revidar por alguém full PVP.

Cenários: Mais uma opção para fugir da mesmice e foram úteis para ajudar a contar a história.

Alani: O Time-Lost/Aeonaxx de Pandaria. O escudo que o protege evita de você esperar por 300 horas e ver um cara só de passagem matá-lo.

Pet battles: Embora eu quase não tenha participado deste mini-game (já basta Pokémon no 3DS), foi mais uma adição que agradou vários e deu mais algo para perseguir no jogo.

Lore de Pandaria: Blizzard provou que consegue criar uma boa história “do nada” e encaixá-la na Lore.

Pandaria em si: Não há como negar. O continente de Pandaria é belo e proibir o voo durante o up foi uma ótima decisão para apreciar a paisagem.

A ideia de Battlefield Barrens e Timeless Isle: Aka coisas acontecendo aleatoriamente. Ideia vista em outros jogos e devidamente implementada.

Alguns grinds absurdos: 9999 ossos na Isle of Giants ou a facção do Imperador adicionam coisas para quem aprecia isso. Claro, tudo como um gigantesco grind é loucura, alguns pontos extras são bem-vindos.

Brawler's Guild: Ótimo para passar o tempo e tem alguns desafios.

Proving Grounds: Estava mais do que na hora de colocar uma ferramenta para ensinar o povo perdido. Há um certo desbalanceamento entre as classes, o que facilita pegar níveis altos de Endless, mas cumpre o seu papel: ensinar o básico. E serve como um desafio também para brincar.

Flex Mode: É isso que deveria ter sido colocado no jogo no Cataclysm, não o LFR. Fácil e “flexível”, mas requer que o jogador “jogue”.

Ahead of the Curve e afins: Primeiro passo a reconhecer quem fez a instância na época. Ligar um título especial ou mount ou qualquer outra coisa cosmética ao achiev deixaria 100% ideal.

Erros:

Heroic dungeons: Heroic? Onde? Ok, o desafio passou para Challenge Mode... mas a facilidade das dungeons é estupidamente exagerada, mesmo quando estávamos com pouca gear, tanto que na primeira semana tínhamos jogadores com a montaria do Glory. As dungeons também ficaram lineares demais (os conhecidos corredores de loot) e a ausência de novas após o lançamento levou ao burnout.

Raros de Pandaria: Embora encontrar um bicho “diferente” seja legal, a frequência de respawn maior significa que não existe mais raros. Fora que os Champions of Pandaria são sempre um conjunto de raças que se repete em todo o mapa. Nada de encontrar um bicho realmente diferente ou algo “anormal” como um Drake no meio de Swamp of Sorrows.

Dailies: Eu adorei a quantidade inicial, mas muitos acharam exagerados e por algum motivo colocaram na cabeça que “preciso fazer todas todos os dias”. O fato de toda a gear de valor estar barrada por múltiplas facções foi o fator principal das reclamações e não deve ser repetido.

World Bosses: Os chefes “hardmode” não deram certo e os servidores morriam com um spawn do Galleon.

Cenários: Acabaram “substituindo” as dungeons. Embora eu os usasse para diferenciar um pouco, ter apenas cenários acrescentados após o 5.0 foi péssimo, principalmente porque eles quebram a “Santíssima Trindade”.

Alani: O escudo foi ótimo, mas um respawn rápido e o uso de bots para farmar Skyshards sem parar o transformou num item comercializável. Bots em si precisam de uma ação mais eficiente da Blizz.

LFR: Embora a ideia básica do LFR seja muito bem-vinda (permitir que os demais vejam o conteúdo), a ferramenta acabou se tornando “obrigação” para muitos para conseguir algum drop que os ajude no modo normal/heroic, isso foi corrigido em Siege considerando que um normal/heroic raider estava pelo menos full 530. Mas o pior problema é como os chefes viram basicamente dummies bonitos. Com os chefes sendo “free kill”, se criou diversos jogadores que apenas esperam serem carregados ao free loot, ou estando afk ou por serem completamente medíocres. Esta semana de 16 de setembro, SoO no LFR está passando por uma situação de filas gigantescas (há relatos de mais de 2h de espera) e wipe fests inacabáveis (10+ determination buff) pela falta de tanks/healers dispostos a carregar e suportar ofensa de DPS que não fazem o mínimo do que se espera que eles façam, além de uma redução nos raiders que carregavam os demais jogadores pela existência do Flex. Acredito que fornecer maior chance de loot para aqueles que realmente façam algo durante uma luta seja um estímulo para melhorar o LFR em si. Atualmente, uma bag de gold (Satchel) extra não vai pagar uma run de 1h+ que não dá nenhum outro retorno ao tank/healer.

Lendário não é mais lendário: A história da quest lendária ficou boa. Gostei de ter o meu primeiro item lendário. Mas, querendo ou não, quando todo mundo tem algo... aquilo não pode ser considerado lendário, simples assim. Não sei a solução para itens lendários no WoW, já que também não fui fã do modelo do Cataclysm.

Épico virou ainda mais o básico: Verdes? Talvez durante as quests. Azuis? Por um curto período de tempo durante o começo da expansão. Épicos? Praticamente o tempo todo. Tudo dá épico. Por que um item pego num baú de uma ilha é épico? Verdes → quests/random drops. Azuis → dungeons/eventos/sei lá. Épico → LFR/Flex. Algo acima de épico → normal/heroic raid (já que desencantar um item épico de normal/heroic não fornece apenas um cristal, o que faz mais sentido deixar de ser épico). É apenas uma sugestão, mas acredito que o sistema deve ser revisto.

Números gigantes: Precisamos de um squish. “Ah quero solar coisa antiga”... Ao entrar numa instância que não é da expansão atual você ganha a aura Salvador de Azeroth que amplia todos seus atributos em 58349069046930%.

A fazenda: Usei um pouco... e caiu no esquecimento completo. Acredito que alguns realmente tenham gostado, tanto que permitiram que você a comprasse, mas para mim não pegou. Talvez o fato de eu jogar Harvest Moon contribuiu para isso.

5 níveis: Se tivéssemos subido 10 níveis em Pandaria, terímos 0 reclamações da demora de upar em Pandaria (o que levou a um nerf). Agora ficar bastante tempo num único nível não passa a sensação de evolução.

Posso ter esquecido de algo, depois edito ou posto novamente.
Editado por Nobuna em 23/09/2013 22:37 BRT
Responder Citar
Caçador Troll 90
14510
Acertos:

Lore: Extremamente elaborada, e mais envolvente que nunca. Neste quesito Pandaria foi pioneira, me surpreendeu e me divertiu demais. Digo isso pensando principalmente na destruição do Vale, fato o qual marcará todos os jogadores que puderam jogar esta bela expansão.

Dailies: Apesar de no começo da expansão serem muitas (OoCS, Klaxxi, Anglers, Tillers, August Celestials, Shado Pan e Golden Lotus), gostei bastante do sistema, no que diz respeito para com a lore do jogo principalmente. Sério, não vejo nexo algum em usar um tabardo, solar algumas dungeons e pronto. Tipo... Pegar o tabard de Dragonmaw Clan, fazer The Vortex Pinnacle e ganhar reputação com os mesmos.

Grinds: 9999 ossos e Emperor Shaohao. Fiz os dois, e o que me interessa nisto é justamente o fato de poucos terem. Agora espero que a Blizzard não facilite tais grinds. O que me deixa confuso é o fato das pessoas pedirem, principalmente com a rep do Shaohao, facilidade. Ora, você não ganha nenhuma gear caso esteja com reputação com o Emperor, então não deveria, e espero que não haja, facilitação.

Cenários: Uma forma breve e rápida de contar a lore do jogo. Theramore's Fall, Dagger in the Dark, Secrets of Ragefire, Dark Heart of Pandaria e A Little Patience principalmente. Além de dar umas recompensas bacanas, principalmente no modo heroico.

Raid Flex: Gostei bastante. Um modo mais difícil que o LFR, que requer um nível de awareness maior. Por mim, o LFR deveria ser removido, e não duvido que a Blizzard o faça.

WBosses: Só espero que a Blizzard tenha aprendido algo quando se viu obrigada a reduzir a vida do Oondasta em 50%.

Brawler's Guild: Também cheguei ao rank 10, ainda no 5.3. Creio, porém, que deveria haver um escalonamento dos ranks 8 e 9, proporcionais ao ilvl do patch atual. Caso contrário, Ahoo'ru vai ser facilmente "matável", e eu não gostaria de ver qualquer um com uma montaria que eu suei para pegar.

Pet Battle: Um "enhance" legal no jogo, algo simplesmente para se passar o tempo que eu curti.

Ahead of the Curve e Cutting Edge: Uma maneira fantástica de reconhecer jogadores esforçados que conseguiram tais proezas. E proezas mesmo!

-------
Depois faço os erros, estou cansado =P
Responder Citar
Caçador Elfo Noturno 90
15675
Concordo com praticamente tudo....menos sobre a fazenda.

Até hoje eu a uso como fonte como fonte de recursos, sendo inclusive, a primeira coisa que me dedico quando chego com um char no lvl 90. O que eu acho que a tornou tão especial é o fato de que se dedicando, nunca faltam reagentes para você (principalmente para o seu próprio consumo). Ao mesmo tempo, caso você queira se concentrar em algum item específico como fonte de renda, pode ser que ela não dê vazão e faça com que você farme pelo mapa.
Ou seja, é uma grande ajuda, mas não chega a substituir o "farm" de itens. Balanceada, do jeito que tem que ser.

Sobre mais acertos:

- Só tenho visto evoluções no PvP e realmente, o fim dos battlegroups parece ter sido a "cereja do bolo" nesse ponto;

- Black Market! Ótima forma de gastar rios de gold que normalmente ficariam parados;

- MONGES!!! Sim....eu adorei a classe! Depois desse hunter que é o meu main char, tornou-se a classe que mais me agrada (especialmente o healer);

- Achieves, títulos e montarias compartilhados por conta.

Quanto aos erros, não tem muita coisa que me desagrade no jogo hoje. Acho que apenas o LFR realmente não tem feito o papel que devia (para os mais casuais conhecerem o conteúdo end game). Muito, diga-se de passagem, culpa dos próprios players. Acredito que reduzir a raide do LFR para 10m daria um pouco de alívia de diminuiria a bagunça, mas é algo que também não tenho certeza que iria ajudar. Talvez até por isso o flex esteja sendo tão bom!
Responder Citar
Paladino Humano 90
12350
De tudo que a Blizz fez, o que me deixou mais triste foi a galera não ter entendido o sistema de diárias. Era sensacional mas infelizmente, nunca mais teremos algo parecido.
Responder Citar
Cavaleiro da Morte Elfo Sangrento 90
13890
Não gostei da lendária do LFR, pior ainda é ter a mesma chance de drop em LFR, normal, flex ou heroic. E esses números gigantescos também não me agradam nem um pouco.

Também não gostei da temática oriental da expansão, mas isso é só gosto meu.

No mais, A lore, as daillies, as raids, estão melhores do que nunca.
Editado por Festerblight em 24/09/2013 02:45 BRT
Responder Citar
Ladino Worgen 90
8560
Acertos:

Valorização do WorldPvP com a criação de áreas como o Desembarque, Ilha do Trovão e Ilha Perene. Além disso, com a transferência da Resiliência para o personagem deu um "equilíbrio" um pouco maior entre os player's;

Um maior equilíbrio entre as classes no PvP, pois a Blizzard conseguiu dessa vez conseguiu a desfazer monstros (o rogue do Cataclisma) e levantar "os humilhados";

Gostei muito do sistema de raid flex, me vez olhar com carinho o PvE;

Erros:

Talvez para mim o único erro está no próprio titulo da expansão.
Pandaria é um lore muito estereotipado da cultura chinesa vista pelos ocidentais. Parece que a Blizzard criou a história a parti de filmes como "Retroceder nunca, render jamais". É tanta filosofia clichê dita pelos pandares que chega ser chato ter que escuta-los (principalmente quando enfrenta os quatro celestiais). Porém eles esqueceram que a cultura oriental é muito mais complexa e não se resume em "paciência... paciência...".
Responder Citar
Bruxa Humana 90
6680
Me diverti muito.
Esse foi o principal acerto.
Mesmo não curtindo muito PVE adorei algumas missões que fiz de forma "obrigatória" para conseguir certas receitas.
O PVP 5.0/5.3 foi bem legal mesmo, ri muito das coisas que você só vê em arena/bg.
Agora no 5.4 estou meia "assim, assim", mas também pode ser porque, nesses um ano de WOW, eu já tenha ficado cansada.
No mais, este ainda é um grande jogo.
Beijos.
Responder Citar
Cavaleiro da Morte Worgen 90
9745
Eu gostei de MOP quase como um todo, a unica coisa que não gostei muito foi a sensação de que MOP foi feito pela Disney, diferente das outras expansões...
Responder Citar
Sacerdote Troll 90
14025
A fazenda: Usei um pouco... e caiu no esquecimento completo. Acredito que alguns realmente tenham gostado, tanto que permitiram que você a comprasse, mas para mim não pegou. Talvez o fato de eu jogar Harvest Moon contribuiu para isso.


Esse é um dos poucos pontos que eu discordo... Varia muito se o cara tiver ou não vontade e tempo de usar.

No meu caso ainda agora uso ela diariamente em 3 char pra farmar minhas flasks e meu gold da semana.

Como você mesmo disse, talvez não tenha sido uma coisa importante para você, mas no meu caso foi uma adição bem interessante.
Responder Citar
Ladino Elfo Sangrento 90
13725
Minha opinião.

Acertos:

Lore - Ficou algo fantástico, mesmo a temática sendo meio polêmica, eu gostei muito, principalmente da conclusão e do garrosh, fiquei muito feliz com a conclusão da história dele no final do Cerco.

Raids - Todas de altíssima qualidade, mecânicas interessantes e lutas muito desafiadoras, até o momento estou curtindo MUITO o cerco.

Quest Lendária - Gostei também, preza o esforço e a dedicação do player para conseguir a recompensa final, torço por mais quests assim no futuro. única observação é que eu acho que pelo menos durante o patch em que aquela etapa for atual, não deveria ser possível obter o item de LFR

Cenários - Ótimos. uma opção bem legal as dungeons, e serviram como ótimo complemento para a visualização da lore em muitos casos.

Batalhas de Mascotes - Legal, ótimo complemento, e muito divertido.

Brawlers Guild / Prooving Grounds - Ótimo para quem quer testar sua habilidade com mecânicas e competências em relação a DPS/Heal/Tank.

Feats - A ideia de colocar Feats para quem completa um conteúdo antes do próximo patch foi ótima, recompensa de forma justa quem se esforçou em fazer o modo normal/heroico

Flex - Ótima opção para jogadores mais casuais e para quem quer se divertir com uma raid com um certo nível de dificuldade mas sem aquele stress todo., deveria ter sido implementado a muito tempo!

Erros:

LFR - Brain dead mode continua igual, e mesmo assim é algo muitas vezes mais difícil de se fazer do que Flex/normal

Dungeons - Apesar de gostar de cenários, gosto de dungeons também, poderiam ter criado mais algumas

Desvalorização do épico - Pra mim um problema recorrente, deveriam colocar itens da cor azul em LFR/Cenários/Dungeons e Itens épicos apenas em modos mais difíceis.
Poderiam colocar também um sistema de cor novo, que apesar de parecer bobagem, da uma sensação maior de valorização.

Grind Coreano ou 1000 diárias por dia - Gosto de diarias e gosto de grind, o problema é que a blizzard perdeu a linha e foi pra 8 ou 80.

Ou eles colocam um monte de diárias, ou um grind infinito para se conseguir determinada reputação/item.

Por que não misturam? por que não encontrar um meio termo?
Editado por Jekkvallar em 24/09/2013 09:57 BRT
Responder Citar
Sacerdotisa Pandarena 90
14370
24/09/2013 09:26Citação de Balduram
Como você mesmo disse, talvez não tenha sido uma coisa importante para você, mas no meu caso foi uma adição bem interessante.

Inicialmente até achei interessante, mas sei lá, muito limitada e acaba cansando.
Responder Citar
Bruxo Morto-vivo 90
7195
Vou ser bem específico.

Acertos:

  • Ótima ambientação, os vales, os campos, a grama, o verde contrastado com o lado corropido de pandária
  • Trilha sonora muito boa
  • Fenomenal representação de costumes e da cultura asiática
  • Melhora gráfica considerável nos mapas da expansão
  • A volta dos World Bosses
  • A "base" de operações multi-utilidade de cada facção em pandária
  • Novos aprimoramentos em PVE e PVP
  • Foco no Warlord da horda e sua sede de poder
  • Erros:
  • Entendo o porque dos pandas, 800 dos 1000 existentes se encontram em reservas ambientais no japão, mas ... não seria melhor fazer um humanóide draconiano japonês?
  • A temática parece ser infantil aos olhos de novos jogadores, que muitas vezes se afastam do jogo
  • Os pandas SEMPRE estarão conosco nas próximas expansões, SEMPRE...
  • Editado por Alore em 24/09/2013 12:06 BRT
    Responder Citar
    Guerreira Orquisa 90
    8090
    Último patch maior de conteúdo saiu e todos sabemos que a próxima expansão está em produção a todo vapor e é mais provável que um novo Big Bang ocorra do que a Blizz não anunciar a próxima expansão até o final do ano.

    Agora, o que a Blizz acertou? No que ela errou? Cite e explique. Vamos dar nossa opinião para termos uma próxima expansão ainda melhor.

    Nota: algo que eu coloque como "acerto" pode também estar nos "erros" por um motivo em particular, ou seja, não foi perfeitamente colocado, mas trouxe algo positivo.

    Nota 2: embora comentar/questionar o que alguém postou não seja o objetivo real do tópico, sinta-se livre em fazê-lo.

    SHUT UP AND TAKE MY LIKE!!

    concordo, concordo e hmmm CON-COR-DO!!!

    Acertos:

    Quests em Pandaria: Foi extremamente agradável upar em Pandaria, embora eu evite Krasarang Wilds (mais por motivos de querer eficiência na hora de upar), ainda não fui afetado pelo “my god, tenho que ir para Outlands... não, vou upar só em dungeons”, e upei todos os meus personagens para o 90.

    Normal dungeons: Simples, fáceis, sem problemas, o que é ótimo no período de up.

    Challenge Mode: Não usei muito por falta de tempo, mas o pouco que tentei fazer foi ótimo. 5.4 ainda deu mais motivos para batalhar pelo melhor tempo. Ótimo para quem quer um desafio e sem influenciar os demais modos de jogo.

    Raros de Pandaria: Quase todos tem um loot único. Respawn mais frequente amplia suas chances de bater com um durante explorações e encontrar um pela primeira vez normalmente significava morte sem overgear/conhecimento prévio das habilidades.

    Dailies: Inúmeros quest hubs no começo, inúmeros objetivos a serem perseguidos. Muita coisa para fazer.

    The Lorewalkers: Melhor facção de Pandaria. Simples assim. Ajudou e muito a contar a história.

    Raids: Embora Heart of Fear tenha traumatizado alguns, as raids de Pandaria foram muito boas como um todo (é claro que sempre tem aquele chefe imbecil).

    World Bosses: Sempre me questionei porque não havia inimigos “incrivelmente poderosos” no mapa do Cataclysm (whale shark não conta), não sei porque, prefiro essa ideia a Baradin Hold.

    Resiliência base: Mais fácil entrar num BG sem virar free kill. Posso andar no mapa com minha gear de PVE e fazer minhas quests sem correr o risco de ser desintegrado sem chance de revidar por alguém full PVP.

    Cenários: Mais uma opção para fugir da mesmice e foram úteis para ajudar a contar a história.

    Alani: O Time-Lost/Aeonaxx de Pandaria. O escudo que o protege evita de você esperar por 300 horas e ver um cara só de passagem matá-lo.

    Pet battles: Embora eu quase não tenha participado deste mini-game (já basta Pokémon no 3DS), foi mais uma adição que agradou vários e deu mais algo para perseguir no jogo.

    Lore de Pandaria: Blizzard provou que consegue criar uma boa história “do nada” e encaixá-la na Lore.

    Pandaria em si: Não há como negar. O continente de Pandaria é belo e proibir o voo durante o up foi uma ótima decisão para apreciar a paisagem.

    A ideia de Battlefield Barrens e Timeless Isle: Aka coisas acontecendo aleatoriamente. Ideia vista em outros jogos e devidamente implementada.

    Alguns grinds absurdos: 9999 ossos na Isle of Giants ou a facção do Imperador adicionam coisas para quem aprecia isso. Claro, tudo como um gigantesco grind é loucura, alguns pontos extras são bem-vindos.

    Brawler's Guild: Ótimo para passar o tempo e tem alguns desafios.

    Proving Grounds: Estava mais do que na hora de colocar uma ferramenta para ensinar o povo perdido. Há um certo desbalanceamento entre as classes, o que facilita pegar níveis altos de Endless, mas cumpre o seu papel: ensinar o básico. E serve como um desafio também para brincar.

    Flex Mode: É isso que deveria ter sido colocado no jogo no Cataclysm, não o LFR. Fácil e “flexível”, mas requer que o jogador “jogue”.

    Ahead of the Curve e afins: Primeiro passo a reconhecer quem fez a instância na época. Ligar um título especial ou mount ou qualquer outra coisa cosmética ao achiev deixaria 100% ideal.

    Erros:

    Heroic dungeons: Heroic? Onde? Ok, o desafio passou para Challenge Mode... mas a facilidade das dungeons é estupidamente exagerada, mesmo quando estávamos com pouca gear, tanto que na primeira semana tínhamos jogadores com a montaria do Glory. As dungeons também ficaram lineares demais (os conhecidos corredores de loot) e a ausência de novas após o lançamento levou ao burnout.

    Raros de Pandaria: Embora encontrar um bicho “diferente” seja legal, a frequência de respawn maior significa que não existe mais raros. Fora que os Champions of Pandaria são sempre um conjunto de raças que se repete em todo o mapa. Nada de encontrar um bicho realmente diferente ou algo “anormal” como um Drake no meio de Swamp of Sorrows.

    Dailies: Eu adorei a quantidade inicial, mas muitos acharam exagerados e por algum motivo colocaram na cabeça que “preciso fazer todas todos os dias”. O fato de toda a gear de valor estar barrada por múltiplas facções foi o fator principal das reclamações e não deve ser repetido.

    World Bosses: Os chefes “hardmode” não deram certo e os servidores morriam com um spawn do Galleon.

    Cenários: Acabaram “substituindo” as dungeons. Embora eu os usasse para diferenciar um pouco, ter apenas cenários acrescentados após o 5.0 foi péssimo, principalmente porque eles quebram a “Santíssima Trindade”.

    Alani: O escudo foi ótimo, mas um respawn rápido e o uso de bots para farmar Skyshards sem parar o transformou num item comercializável. Bots em si precisam de uma ação mais eficiente da Blizz.

    LFR: Embora a ideia básica do LFR seja muito bem-vinda (permitir que os demais vejam o conteúdo), a ferramenta acabou se tornando “obrigação” para muitos para conseguir algum drop que os ajude no modo normal/heroic, isso foi corrigido em Siege considerando que um normal/heroic raider estava pelo menos full 530. Mas o pior problema é como os chefes viram basicamente dummies bonitos. Com os chefes sendo “free kill”, se criou diversos jogadores que apenas esperam serem carregados ao free loot, ou estando afk ou por serem completamente medíocres. Esta semana de 16 de setembro, SoO no LFR está passando por uma situação de filas gigantescas (há relatos de mais de 2h de espera) e wipe fests inacabáveis (10+ determination buff) pela falta de tanks/healers dispostos a carregar e suportar ofensa de DPS que não fazem o mínimo do que se espera que eles façam, além de uma redução nos raiders que carregavam os demais jogadores pela existência do Flex. Acredito que fornecer maior chance de loot para aqueles que realmente façam algo durante uma luta seja um estímulo para melhorar o LFR em si. Atualmente, uma bag de gold (Satchel) extra não vai pagar uma run de 1h+ que não dá nenhum outro retorno ao tank/healer.

    Lendário não é mais lendário: A história da quest lendária ficou boa. Gostei de ter o meu primeiro item lendário. Mas, querendo ou não, quando todo mundo tem algo... aquilo não pode ser considerado lendário, simples assim. Não sei a solução para itens lendários no WoW, já que também não fui fã do modelo do Cataclysm.

    Épico virou ainda mais o básico: Verdes? Talvez durante as quests. Azuis? Por um curto período de tempo durante o começo da expansão. Épicos? Praticamente o tempo todo. Tudo dá épico. Por que um item pego num baú de uma ilha é épico? Verdes → quests/random drops. Azuis → dungeons/eventos/sei lá. Épico → LFR/Flex. Algo acima de épico → normal/heroic raid (já que desencantar um item épico de normal/heroic não fornece apenas um cristal, o que faz mais sentido deixar de ser épico). É apenas uma sugestão, mas acredito que o sistema deve ser revisto.

    Números gigantes: Precisamos de um squish. “Ah quero solar coisa antiga”... Ao entrar numa instância que não é da expansão atual você ganha a aura Salvador de Azeroth que amplia todos seus atributos em 58349069046930%.

    A fazenda: Usei um pouco... e caiu no esquecimento completo. Acredito que alguns realmente tenham gostado, tanto que permitiram que você a comprasse, mas para mim não pegou. Talvez o fato de eu jogar Harvest Moon contribuiu para isso.

    5 níveis: Se tivéssemos subido 10 níveis em Pandaria, terímos 0 reclamações da demora de upar em Pandaria (o que levou a um nerf). Agora ficar bastante tempo num único nível não passa a sensação de evolução.

    Posso ter esquecido de algo, depois edito ou posto novamente.


    Shut up and TAKE MY LIKE!!
    Editado por Gharol em 24/09/2013 12:56 BRT
    Responder Citar
    Sacerdote Troll 90
    14025
    24/09/2013 11:51Citação de Nobuna
    Como você mesmo disse, talvez não tenha sido uma coisa importante para você, mas no meu caso foi uma adição bem interessante.

    Inicialmente até achei interessante, mas sei lá, muito limitada e acaba cansando.


    Ah sim.. no meu caso é interessante pq ainda é fonte de recursos.
    Fora isso, qualquer mudança também será abandonada para o MST tomar conta.
    Responder Citar
    Paladino Elfo Sangrento 90
    10735
    Acertos:

    - História original e fantástica

    - Ambientação, design, trilha sonora <3

    - Pandarens como raça jogável

    - Nova classe os monges (pra mim só falta os DH)

    - Missões diárias do 5.1 e 5.2

    - Modo Flex (eu que sou casual agradeço a Blizzard por esse modo, até no Goldrinn ta fácil achar grupo pra Flex)

    - Lorewalkers

    - World Bosses

    - Fazenda (espero que no futuro tenha algo semelhante)

    - Masmorras divertidas

    Erros:

    - Missões diárias antes do 5.1, principalmente dos Klaxxi

    - Falta de novas masmorras (é uma das modalidades de jogos que mais gosto)

    - Cenários, a maioria é chato e até enfadonho

    - Ilha Perene, achei divertido nos primeiros dias, mas depois ficou extremamente enfadonho, senti muita falta daquela linha de história estilo do 5.1
    Responder Citar
    Guerreiro Worgen 90
    10560
    24/09/2013 09:56Citação de Jekkvallar
    Grind Coreano


    O que é isso?
    Responder Citar
    Sacerdote Troll 90
    14025
    24/09/2013 13:30Citação de Fenrirsulfur
    Grind Coreano


    O que é isso?


    É o popular farm interminável que ninguém tem paciência mais para fazer, tipo... milhões de dailys pra pegar reputação...
    Responder Citar
    Xamã Draenaia 90
    5900
    Pontos positivos:

    - Historia da expansão MUITO BOA
    - Pandarens e Classe monje muito legais
    - Raide Flex como ferramenta para preparo 10/25man (OTIMO), equips mais faceis para Alts na ilha perene e com pontos de justiça.
    - Cenários heroicos e boas recompensas.
    - Quests lendárias com uma historia otima com o filho do Asa da morte, um outro lado da moeda que abre caminhos para o futuro.
    - WOLD BOSS muito atraente e algo com potencial de unir a facção do servidor, e com respaw curto o que correto.

    Pontos negativos:

    - Masmorras heroicas que não são HEROICAS, foram substituidas pelos cenarios heroicos.
    - Falta de masmorras heroicas novas com melhores equips e historinhas (A hora do crepusculo eu adorei)
    - Quests diárias que obrigavam o jogador e dedicar tempo em 45 quests (2 moedas por quest) para ganhar 90 moedas e trocar chance de loot no LFR sem qualquer garantia de sucesso, não foi nada justo obrigar um jogador a fazer tantas quests sem retorno algum, o jogo DEVERIA recompensar aqueles que dedicam tempo mais do que os outros. Agora Baixaram para 50 moedas e facilitaram a quantidade obtida na ilha perene na tentativa de facilitar, conseguiram + ou -, mas faltou bom senso a Blizz nesse caso.
    - Mudança de classes CONSTANTES a todo patch, o que para mim configura que a Blizz ainda não acho o equilibrio entre as classes.
    - Criaturas raras que não são RARAS na ilha perene e em pandaria com um respaw muito curto, no qual deveriam ser colocadas como criaturas ELITE ou uma nova nomenclatura cara criaturas que concedam recompensas, as criaturas raras deveriam ter um respaw maior.
    - WOLD BOSS como Oodasta forçaram o servidor ate o limite o que levou a blizz a baixar a vidar do danado, espero que aprenda com os erros.

    THE END FOR NOW.
    Editado por Luzarinha em 24/09/2013 13:50 BRT
    Responder Citar
    Sacerdote Troll 90
    14025
    24/09/2013 13:48Citação de Luzarinha
    - Mudança de classes CONSTANTES a todo patch, o que para mim configura que a Blizz ainda não acho o equilibrio entre as classes.


    Isso aqui desde que o jogo foi lançado é assim...
    Não é nenhuma novidade que o ghostcrawler não tem a menor ideia do que está fazendo...
    Responder Citar
    Cavaleiro da Morte Tauren 90
    10100
    Números gigantes: Precisamos de um squish. “Ah quero solar coisa antiga”... Ao entrar numa instância que não é da expansão atual você ganha a aura Salvador de Azeroth que amplia todos seus atributos em 58349069046930%.

    poh entao eu to bugado, o unico lugar que eu recebo um buff é icc, aquele basico que desde que eu comecei a jogar wow ja tinha =\

    Raid Flex: Gostei bastante. Um modo mais difícil que o LFR, que requer um nível de awareness maior. Por mim, o LFR deveria ser removido, e não duvido que a Blizzard o faça

    e dai os players que nao tem tempo para fazer uma raid com todos mecanismos e tal, que jogam sei la no maximo 1:30 por dia ficam a ver navios?
    Editado por Ristow em 24/09/2013 13:54 BRT
    Responder Citar

    Por favor, relate qualquer violação do Código de Conduta, incluindo:

    Ameaças de violência. Nós levamos isso a sério e alertaremos as autoridades apropriadas.

    Mensagens contendo informações pessoais de jogadores. Incluindo endereço físico ou de e-mail, número de telefone, fotos e/ou vídeos inapropriados.

    Assédio ou linguagem preconceituosa. Isso não será tolerado.

    Código de Conduta dos Fóruns

    Relatar mensagem # escrita por

    Motivo
    Explique (no máximo 256 caracteres)
    Enviar Cancelar

    Reportado!

    [Fechar]