Geração Leitim com Pêra

Bruxa Morta-viva 100
12970
Pedir ajuda no general??? Você fala do Chat Geral?

Eu já jogava WoW da época do Clássico e me lembro a maravilha que era na época, nada de montarias voadoras, nada de buscador de masmorras e raides era tudo saindo de suas cidades montados em uma montaria terrestre.

World PvP era sempre junto de uma grande galera, raramente você estaria sozinho contra a facção inimiga, e se isso ocorrer vinha vários jogadores para lhe apoiar.

Entradas de masmorras por exemplo sempre acontecia de encontrar jogadores da facção oposta na entrada para usar a masmorra também, o World PvP rolava solto.

Sair da segurança de uma cidade era sempre uma aventura.

Mas hoje em dia se você esta fazendo missões pelo mapa mesmo em grupo a maioria das vezes você é atacado e quase nenhum membro do grupo tem interesse em saber oque acontece com você ou lhe socorrer quando você pede apoio, eles vem com alguma desculpa qualquer para não ter lhe ajudado.

E quando pede ajuda no global você vira piada no chat.
Editado por Urgathoa em 14/11/2012 20:45 BRST
Responder Citar
Cavaleiro da Morte Draenei 100
9715
Verdade.
eu nao jogo desde o classico mas devia ser massa, queria ter estado la para ver.
Responder Citar
Guerreiro Orc 85
2635
A muito tempo não me deparava com um tópico tão adulto e de cunho tão interessante quanto este... Wow infelizmente hoje é mais jogado por mulekes (isso não tem haver com a idade e sim com maturidade) do que qualquer coisa... como já citado anteriormente, o as pessoas estão completamente sem noção na hora de jogar wow... falta humildade, falta boa vontade, falta cordialidade, falta paciência.... e etc...

Mas vendo este tópico, me encho de esperança em saber que ainda existem pessoas como vocês deste tópico. Jogo wow desde o Vanilla e acredito que o problema tomou grandes proporções com a chegada do wow aki no Brasil, Antes... tudo era mais difícil para que era daki o que dificultava a maioria dos "leite com pera" jogar... Mas agora td esta mt fácil... e ai q entra o problema... q infelizmente é o povo brasileiro.

Obviamente não vou generalizar, mas não somos 3º mundo a toa... uma parcela mt grande da população (independente do nível social, quero deixar isso bem claro) não tem o minimo de educação no convívio com pessoas do mundo real... então não tem como esperar isso no mundo virtual...

Mas quero deixar claro q ainda não perdi a esperança... e por players como os deste tópico que ainda continuo o jogo tentando fazer sempre o melhor tanto para mim quanto para os outros...

é isso ae... vlw galera! :)
Responder Citar
Bruxa Morta-viva 100
12970
Verdade.
eu nao jogo desde o classico mas devia ser massa, queria ter estado la para ver.


O se era.

A primeira vez que participei de uma invasão foi na época do Burning Crusade e eu ainda era level 68, eu e a galera do grupo de raide entramos em Vento Bravo pela ponte principal na frente do reino, além de mim muitos também jamais tinha ido ou conhecido a cidade dos humanos, principalmente porque antigamente se você fizer um char da Horda não podia ter um da Aliança e vice e verça.

Ao entrar em Vento Bravo e começar a lutar contra npcs e jogadores o meu coração acelerou de pura adrenalina misturada com medo de morrer e ansiedade para vencer, quando sofridamente chegamos a simplesmente ver os primeiros degraus da escadaria que leva até o castelo do Rei eu achei que meu coração ia explodir no peito.

E antes de me zoem eu lhes digo que na época eu era um moleque que jogava apenas ragnarok, jogar WoW naquela época aos meus olhos era como deixar de ser a criança que jogava jogos de criança e começava a ser adulto jogando um jogo de adulto.
Editado por Urgathoa em 14/11/2012 20:59 BRST
Responder Citar
Mago Morto-vivo 85
2690
- Mudando a política de como a BLIZZ espera que seja esta experiência de jogo (digo uma política declarada e anunciada aos quatro ventos, e uma campanha para enfatizá-la, e não apenas algumas linhas nas regras de jogo no meio de uma muralha de texto que muitos poucos têm paciência de ler);

- Efetivamente penalizar com ban players que ficarem comprovados tomarem estas atitudes, mesmo que isso signifique contratar um exército de moderadores para fazer tal análise em tempo hábil;


Khelghar, acredito que estas medidas poderiam até diminuir o problema, mas são inviáveis por um motivo: custo. Veja, WOW tem 10 milhões de assinaturas, imagine o custo para manter moderadores em número suficiente para dar conta do trabalho.

Infelizmente, o processo de seleção teria de ser, digamos, mais "natural". Como? Através da estrutura do jogo. Em seu início, a estrutura do WOW selecionava aqueles que se dispunham a jogá-lo, não era um jogo onde havia espaço para os "fodões", aqueles que com "pouco esforço", sentados em uma cidade usando os localizadores, podiam atingir o lvl máximo, obter montarias bacanas, conquistas e outras recompensas; não havia espaço para que em uma panelinha, ele pudesse derrotar os chefões; não havia espaço para circular pelo mundo sem ser incomodado e incomodando. A estrutura do jogo forçava o trabalho em equipe e à cooperação, incluive com desconhecidos.

Pedir que esta estrutura volte, é uma quimera, um sonho, não vai rolar, pois voltar com ela significa, necessariamente, abrir mão de assinantes.

Alguns anos atrás, eu tentei jogar um MMO chamado EVE. Não tem nada a ver com o WOW em termos de temática, mas eu gosto muito do tema também. Não pude continuar a jogá-lo porque meu inglês não é bom o suficiente, ele não permite o grau de interatividade com os outros jogadores que o jogo demanda. É muito diferente o tratamento que um novato lá recebe. Sabe porque? Porque as "guildas" de lá precisam de você, lá você não é mais um, você é mais um. Como disse, meu inglês não é bom, mas, mesmo assim, havia um grande esforço por parte da guilda em me ensinar a jogar (ele não é um jogo fácil de se aprender). As melhores naves do jogo são as da classe Titã, essas naves são contruidas pelas "guildas", em um esforço conjunto, se cada membro não participar ativamente, eles não conseguem construir.

Cito aqui o caso do EVE como um exemplo de uma estrutura de jogo que valoriza a interação e a socialização. WOW já teve isso.
Responder Citar
Caçadora Trolesa 100
10990
O se era.

A primeira vez que participei de uma invasão foi na época do Burning Crusade e eu ainda era level 68, eu e a galera do grupo de raide entramos em Vento Bravo pela ponte principal na frente do reino, além de mim muitos também jamais tinha ido ou conhecido a cidade dos humanos, principalmente porque antigamente se você fizer um char da Horda não podia ter um da Aliança e vice e verça.

Ao entrar em Vento Bravo e começar a lutar contra npcs e jogadores o meu coração acelerou de pura adrenalina misturada com medo de morrer e ansiedade para vencer, quando sofridamente chegamos a simplesmente ver os primeiros degraus da escadaria que leva até o castelo do Rei eu achei que meu coração ia explodir no peito.

E antes de me zoem eu lhes digo que na época eu era um moleque que jogava apenas ragnarok, jogar WoW naquela época aos meus olhos era como deixar de ser a criança que jogava jogos de criança e começava a ser adulto jogando um jogo de adulto.


Que isso cara, senti exatamente a mesma coisa na minha primeira invasão às cidades da Ally (e olha que foi no Cata heim xD)
Responder Citar
Paladino Humano 90
8825
Uma posição sensata que a Blizzard poderia tomar e que, ao mesmo tempo não iria prejudicar a arrecadação de dinheiro seriam Micro Bans por determinados comportamentos/vocabulários de baixo escalão.

Bans de 24 horas, 48 horas, 72 horas, e por aí vai.
Responder Citar
Sacerdotisa Elfa Sangrenta 90
9510
Realmente jogar com a criançada ta complicado wow em português atraio mas aborecente para o jogo eu não fico nada feliz com isso. Eu realmente odeio ter que ler o chat de Ogrimmar. e garotinho que conheceu o jogo ontem e já se achando o melhor player do realm.
Responder Citar
Paladino Elfo Sangrento 90
12320
Nem ligo, minha banlist ja ultrapassa os 200 e até o final do ano vai chegar a 300 se continuar a palhaçada no /1 /2 ou /3. Ajudo no que posso e a quem realmente precisa, quer ficar de palhaçada vai pro circo.
Responder Citar
Mago Gnomo 90
9850
Eu comecei a jogar WoW no WLK, no Gurubashi e sinto falta daquela época, eu não falo a respeito da expansão e nem nada disso, eu falo em relação aos players, para quem começou a jogar antes do WoW vir oficialmente para o Brasil e sensível a noção na queda de qualidade dos jogadores, não só no quesito educação mais no quesito game play

Antigamente se faltava um membro do core, eu conseguia pulgar tranquilamente no trade, mesmo que o cara não tivesse uma gear boa, normalmente era um player mediano, existiam mais opções, hoje ta difícil de achar ate DPS mediano, estamos com um vaga pra DPS aberta des do começo do MoP (tinhamos 3 vagas abertas, conseguimos arrumar 2 jogadores bons, depois de mto procurar) e ainda não tiver a sorte de achar um jogador bom para entrar, isso tem refletido diretamente a nossa progressão, que esta horrível, pq essa dificuldade desanima os outros jogadores
Responder Citar
Druidesa Worgenin 26
470
Voltei a jogar wow faz umas 2~3 semanas, havia abandonado a blizzard em 2010 antes de sair o cataclysm. Enfim, na minha volta num curto espaço de tempo tive algumas experiencias meio chatas:
1. Sempre fui da horda, mas desde o release do cata, eu tive vontade de fazer uma worgen. Lá estava eu feliz e contente upando e, em uma das minhas pausas, uma outra worgen sentou do meu lado. como eu estava lendo entusiasmadamente as novas skills não dei bola. Mas não demorou muito para que ela, de forma gratuita me chamasse de 'noob', 'cotoco' e shemale. Antes de dar tempo de falar qualquer coisa, ela foi embora. Como se nada tivesse acontecido.

2. Enquanto eu pescava, uma Elfa que estava a nadar parou perto da minha isca e perguntou: 'Tão pescando algo?' meu namorado que me acompanhava na pescaria respondeu 'Sim, porque?' e a Elfa respondeu: ' Ah porque eu costumo cagar nesse rio e queria saber se vocês já conseguiram pegar algum pedaço da minha bosta'
Pobleminha? Porque só tendo probleminha pra falar algo tão sem sentido pra alguém dessa forma tão aleatória >_>

3. Enquanto eu fazia DF o tanker não conseguia agrar direito os mobs, tentando ajudar eu disse pra ele tentar pegar menos mobs de uma vez, fui ignorada. Sem demorar muito wipamos 3x e a PT se desfez. Quase imediatamente o tanker me whispou e, na maior arrogância, disse: 'Seu druida de merda, se você sabe tankar tão bem faz um tanker você seu filho da puta'

Esse ultimo caso foi o que mais me incomodou. Eu acho estranho as pessoas terem essa resistência ao aprendizado. Pior, acho engraçado elas se sentirem tão ofendidas por um conselho que foi dito de uma forma educada (pelo menos eu não acho que fui agressiva com as palavras) mas não tem o menor pudor de xingar com as palavras de mais baixo calão como resposta.

Eu quando voltei pro wow criei uma expectativa de achar não só um jogo diferente, mas amigos sabe? Ainda mais porque a tradução abriu a possibilidade de muitos brasileiros jogarem o que eu sinceramente não acho problemático (Os gringos são as vezes muito mais babacas e preconceituosos que nós, só não enxerga quem não quer ver) e consequentemente uma nova possibilidade de achar amigos mais 'perto' de mim. Mas as novas ferramentas criadas (desde os finders até o lance de daily te fornecer os melhores equips fez com que o jogo deixasse de ser uma experiencia coletiva, onde você precisaria ser pelo menos um pouco sociável (ou seja, ter o mínimo de paciência e educação) pr'um jogo cheio de pessoas arrogantes e impacientes pra ensinar ou pior, aprender qualquer coisa.
Responder Citar
Caçador Elfo Noturno 90
6865
Aqui está o grande problema !!!

13/11/2012 23:13Citação de Khelghar
A meu ver, não tem como mudar essa geração. Leitim com pêra é sempre Leitim com pêra. E tem um verdadeiro exército deles por ai.


Sou novo no Wow, jogo a aproximadamente 3 meses mas acho um absurdo isso que vem acontecendo.

Sou de uma geração que o grande lema era "Educação vem do Berço".... e na minha opinião é
exatamente isso que acontece atualmente ...

Se não respeitam os pais ou os proximos, imaginem aqui no wow, onde eles tem toda a proteção por tras de um char e o anonimato da internet. fica 5x pior... não vejo uma solução para este problema. *** infelismente*** pq ja estou perdendo o gosto de jogar..

Obs: A unica solução é uma surra em casa ..rs ...
Editado por Bradocksan em 15/11/2012 12:22 BRST
Responder Citar
Caçador Elfo Noturno 90
6865
15/11/2012 11:45Citação de Walles
3. Enquanto eu fazia DF o tanker não conseguia agrar direito os mobs, tentando ajudar eu disse pra ele tentar pegar menos mobs de uma vez, fui ignorada. Sem demorar muito wipamos 3x e a PT se desfez. Quase imediatamente o tanker me whispou e, na maior arrogância, disse: 'Seu druida de merda, se você sabe tankar tão bem faz um tanker você seu filho da puta'


Isso está um grande problema ... resistencia ao aprendizado ...

Confesso que dei mt sorte com isso .. assim que começei a jogar conheci um player . que basicamente me adotou como filho... indicou bons sites para estudo da classe... mostrou todas as manhas e etc.. e sempre passa um critica construtiva .. aprendi mt . não só com ele.. mais com outros players que "souberam criticar" com o intuito de ajudar... e infelismente falta gnt assim no wow hj
Responder Citar
Cavaleira da Morte Elfa Sangrenta 90
12675
Eu comecei a jogar na TBC, mas desde lá eu vejo trollagens, gente se xingando e tal.

A primeira vez que eu pisei numa capital ou em Barrens foi um choque.

Bons tempos do Chat de Barrens.
Responder Citar
Bruxa Morta-viva 100
12970
Meu inglês é horrível e para ler sou razoável, sou capaz de compreender as instruções passadas pelo gringo em uma masmorra.

Mas é verdade o fato de que a maior parte da minha dor de cabeça é em grupos de brasileiros, na época do Cata eu já estive tão grilado que ao entrar na masmorra eu primeiramente conferia de qual reino era cada um dos ali presentes, quando via que tinha muitos brasileiros eu rapidamente saia do grupo.

Por exemplo agora no MoP estive em um grupo de masmorra no Monastério Shado-Pan e todos era brasileiros, eles começaram a querer ignorar os mobs nas pontes passando de fininho sem agraar.

Aquilo era ridículo pois perdia muito tempo andando devagarinho e caso alguém morria lá na frente teria que fazer todo o caminho devolta cheio de inimigos, pois o Healer se recusava a reviver qualquer membro do grupo que falhar em passar despercebido.

E o pior depois de muito reclamar com eles o healer pegou anti-patia por mim, já na batalha contra o boss final o healer deixou o tank morrer, eu usei minha pedra da alma no tank para reviver-lo e o healer deixou o tank morrer denovo, após dois dps caiu e ficou de pé apenas eu que ativei minhas habilidades de Tank e o healer.

Mas eu estava tankando de boa e dava para terminar de matar o boss, quando digitei pro healer que se ele me curar podemos vencer ele virou para mim e disse que não iria me curar, que preferia assistir eu morrer.

Jogadores assim literalmente envenena meu sangue de raiva.
Responder Citar
Cavaleiro da Morte Orc 90
2915
Nos dias de hj vale mais trolar alguem do que ajudar!
Antes quando vc ajudava alguem vc era respeitado te viam diferente.
Hj se vc ajuda vc é otario!
Vejo muitas pessoas pedirem party para fazer diarias e invitam +4 pessoas e o "dono da party"
n faz nada so fica voando esperando pra termina a quest.
E se vc n aceita party vc é noob ou que se axa fortao para fazer sozinho.
Pra min hj n é geraçao leite com pera e sim de covardes, traidores e que se enche de si.
Ja dizia uma letra de RAP é isso mesmo RAP!

"No mundo moderno, as pessoas não se falam
Ao contrário, se calam, se pisam, se traem, se matam
Embaralho as cartas da inveja e da traição
Copa, ouro e uma espada na mão
O que é bom é pra si e o que sobra é do outro
Que nem o sol que aquece, mas também apodrece o esgoto
É muito louco olhar as pessoas
A atitude do mal influência a minoria boa"...
Responder Citar
Guerreiro Elfo Sangrento 90
12365
Não vou dar opinião, nem sugestão, apenas vou positivar e votar como fixo!
Responder Citar
Bruxa Morta-viva 100
12970
Caraca fazia já um tempo que eu não via uma letra de Rap tão boa e tão verdadeira.
Responder Citar
Ladina Humana 38
960
Sabe pq não tinha tantos trolls antes? pq tinha que ter cartão internacional :)
Eu criei um topico de sugestão agora pouco ali, pelo atendimento por telefone da blizz, e ja me acostumei com o fato do povo ser mal educado e falar ''mais um topico inutil'' ''topico de choro'' ''hater is gonna hater'' então, já sei que vai ter isso...
Responder Citar
Paladina Elfa Sangrenta 90
2845
Concordo com grande parte do que foi dito no tópico, só acho que tem que ter cuidado com muitas coisas... Vi vários depoimentos aí de gente que, por exemplo, foi ajudar alguém que estava morrendo pra mobs e recebeu ingratidão como pagamento...

Me aconteceu um caso semelhante quando eu tava upando pro 90 lá em Pandaria, na real foi uma bobagem que eu fiz e tal, mas enfim...
Naquelas quests do primeiro mapa, onde se tem que matar infinitos moghuls pra libertar o espírito de um panda lá, na última quest da sequência tem que matar um monstro elite e tal. Quando cheguei no local, vi que tinha um warrior tendo "dificuldades" pra matar o bicho e resolvi ajudar. Por alguma razão que eu desconheço, quando eu ataquei o bicho e matei, a morte contou pra mim, mas não pro warrior. Daí o cara começou a me xingar MUITO, me chamou de filho da p... pra baixo, deu bastante ênfase que "tinha que ser brazuca mesmo" e por aí vai. Eu tentei pedir desculpas, dizer pra ele que ajudaria ele a matar de novo e tal, mas aparentemente nada do que eu dizia chegava pra ele, pois ele apenas continuava me xingando e tal, incessantemente. Lá pelas tantas ele disse "FDP, VOU TER QUE DESLOGAR. MAS DEIXA, JÁ TE REPORTEI!" E saiu. E eu fiquei ali, quase que em choque. Haha.
Tudo bem que a falha foi minha, mas...

Mas enfim, seria legal se todo mundo fosse cordial, mas é meio utópico esperar isso.
E outro ponto que eu não vi ser levantado aqui, e que provavelmente ninguém vai citar, é o WPvP...
Antes de me xingarem, só deixem eu dar a minha opinião. World PvP é bacana, mas fica chato quando desproporcional. 10 allys se juntarem em Pandaria pra matar todos os hordas que encontrarem no caminho (coisa que acontece diariamente no Nemesis) eu até entendo. Farmam Honra, defender os aliados de facção... tudo certo. O que eu acho falta de cordialidade é quando esses mesmos 10 ally's do 90 vão pra outland matar todo mundo. Ou vão pra mapas de lvl ainda mais baixo. E daí matam todo mundo e ficam por lá, horas e horas. Quer dizer... não ganham nada com isso, não há mérito nenhum em matar o cara lá, mas eles insistem em fazer isso. Não digo só ally's, provavelmente a Horda também faz isso. Mas cara, pra quê? Um cara do 90 mata um do 30 e dá /laugh, /chicken, como se fosse um mérito absurdo. Quer dizer, não adianta ganhar, tem que humilhar?

Não sei, eu não consigo me divertir com isso... na boa... Não sei se fugi um pouco do tópico, mas eu acho que é questão de respeito tanto quanto... WPvP por necessidade é bacana, mas quando é nesse nível de desigualdade, daí é sacanagem...
Responder Citar

Por favor, relate qualquer violação do Código de Conduta, incluindo:

Ameaças de violência. Nós levamos isso a sério e alertaremos as autoridades apropriadas.

Mensagens contendo informações pessoais de jogadores. Incluindo endereço físico ou de e-mail, número de telefone, fotos e/ou vídeos inapropriados.

Assédio ou linguagem preconceituosa. Isso não será tolerado.

Código de Conduta dos Fóruns

Relatar mensagem # escrita por

Motivo
Explique (no máximo 256 caracteres)
Enviar Cancelar

Reportado!

[Fechar]