Ficha dos Personagens

Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 23:00 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 23:00 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 22:59 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 22:59 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 22:59 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
-
Editado por Lyviah em 03/02/2014 22:59 BRST
Responder Citar
Guerreiro Humano 90
13915
malz, mais ja existe topicos com o msm conteudo

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/3581199356

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/7708411474

so na primeira pagina ^^

e o panon ainda tah criando mais

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/7591982093

mais legal sua ficha XD
Responder Citar
Ladino Humano 90
14640
Personagem: http://us.battle.net/wow/pt/character/gallywix/Tharantor/simple

Nome: Tharantor

Idade: 327 anos

Raça: Elfo Noturno

Classe: Ladino

Títulos: Clérigo da Ordem da Lua de Prata

Profissões: Esfolamento e Alfaiataria

Local de nascimento: Vale Griss

Aparência: Assim como todo Elfo Noturno, Tharantor possui olhos brilhantes amarelados, porem os seus possuem um brilho opaco incomum. Seus 2,10 m bem distribuídos em 100kg com físico bem trabalhado, deixam um pouco evidente suas constantes atividades físicas.
Tharantor possui um longo cabelo de tom azul escuro, normalmente bem cuidado e penteado. Sua pele roxo-avermelhado não é incomum em sua raça.

Cheiro: Normalmente cheira a incenso devido a seus serviços como clérigo, isso quando esta executando esses serviços e não executando uma vitima. Quando não esta de serviço e apenas relaxando não possui nenhum cheiro característico.

Voz: Tharantor possui um timbre suave de alguém que esta entrando na faze adulta porem ainda é jovem. Seu tom é sempre calmo e raramente eleva a voz ao falar.

Mão dominante: Tharantor é destro apesar de ser bastante hábil com abas devido ao treinamento com adagas.

Trajes: Tharantor passa a maior parte do tempo vestindo trajes do cotidiano. Como trabalha baseado em disfarces, pode estar vestindo desde roupas simples de plebeu a trajes caros e de material fino.
Gosta de usar vestimentas humanas apesar de vestir-se com trajes de clérigo e roupas Darnassianas. Raramente é visto usando armaduras exceto quando são indispensáveis.

Traços característicos: Tharantor sempre exala um ar misterioso e perspicaz, seu olhar é astuto como de um felino que espreita sua presa e sua face fria e metodica, exceto quando precisa interpretar alguma personalidade por qualquer motivo. Apesar disso Tharantor é sempre educado e fala de modo intelectual.

BIOGRAFIA
Atualmente, Tharantor é clerigo da Ordem da Lua de Prata, uma ordem eclesiástica que data da primeira aliança entre elfos noturnos e humanos, e foi fundada para evitar disputas religiosas que pudessem por em risco o pacto de auxilio entre as raças.O objetivo da ordem era que um representante de cada raça fizesse parte dos estudos e aprendizado da religião aliada, criando assim um laço de cordialidade entre ambas evitando conflitos.

Com o passar dos anos, a ordem ganhou respeito e importância, se tornando um dos principais meios diplomáticos entre a fé dos elfos noturos e dos humanos.
Tharantor atua como porta-voz da igreja de Darnassus, representando os interesses dos sacerdotes elfos noturnos à seus companheiros da igreja de Vento Bravo.

Pouco se sabe sobre a vida e infancia de Tharantor, somente que nasceu em uma pequena vila no Vale Griss, e que a muitos anos a vila foi devastada.
Foi adotado por um sacerdote ancião de Darnassus, e desde cedo viveu no meio religioso. Tornou-se um clérigo promissor e ainda na juventude foi indicado para fazer parte da Ordem da Lua de Prata.

A parte desconhecida e obscura da vida de Tharantor se baseia na sua buscava incessantemente por vingança, vingança essa que acabou por consumir sua alma fazendo-o cair em desgraça.
Ainda jovem recebeu treinamento na arte do subterfúgio, espionagem e assassinato. Usou suas habilidades para consumar sua vingança num frenesi de sangue e revolta, mas acabou se vendo preso em uma vingança que nunca terminava. Tornou-se um lobo-solitário que derramava sua ira sobre seus inimigos. Matava por ódio e vingança, essa que agora se estendia a qualquer um que cruzasse seu caminho.

Durante muitos anos viveu como um mercenário solitário, levando suas laminas a terras distantes, mas o passar dos anos fizeram sua vingança se transformar em obrigação, sua obrigação se transformar em remorso, até que finalmente quando sua alma estilhaçada pela vingança acostumou-se a viver neste circulo vicioso, seu remorso se transformou em indiferença.
Para Tharantor, matar havia se tornado algo metódico, ele simplesmente matava. Não havia distinção entre homens, mulheres, idosos ou crianças, não havia sentimento algum no ato. Estava vivendo no limbo...

Sua historias e habilidades chamaram atenção de um grupo de elite formada por membros seletos dentro de sua raça, uma sociedade altamente secreta formada somente por Elfos Noturnos Ladinos que veneram secretamente a deusa das sombras chamada Shaar, um grupo tão secreto que é desconhecido até mesmo entre os ladinos que não fazem parte dela.

O Culto das Sombras, como é denominado, não possui muitos membros e possuem um código de leis bem especifico e rígido. Um membro iniciado jamais pode abandonar a irmandade, sob pena de morte.
O culto age associado e infiltrado na guilda de ladinos em Darnassus mantendo sua verdadeira identidade sempre em sigilo. Trabalham como mercenários e assassinos fazendo os trabalhos que a guilda os fornece e agindo nas sombras em prol de sua deusa.

O verdadeiro objetivo desta sociedade é um mistério.
Editado por Hikz em 01/04/2013 13:10 BRT
Responder Citar
Ladino Humano 90
14640
DADOS GERAIS

Personalidade: Tharantor é de poucas palavras e costuma falar usando palavras de sentido amplo e dualidade com interpretações diferentes. Gosta de testar as virtudes de quem o desafia e quando não esta interpretando alguma personalidade, é uma pessoa fria e insensivel. Matar pra ele é algo indiferente, por isso age com crueldade somente quando ha a necessidade. Gosta de criar perfis mentais da personalidade das pessoas e se diverte ao ver o quanto podem ser dissuadidas.

Possessões valiosas: Tharantor não possui nenhum bem material ou espiritual ao qual se apegue para que nunca possa ser usado contra ele de nenhum modo.

Hobbies: Não possui nenhum Hobbie especifico, apenas gosta de visitar a estalagem Leão Orgulhoso quando está em vento Bravo.

Animais de estimação: Alem de suas montarias, Tharantor não possui animais de estimação.

Pontos fortes: Frieza lógica e dissimulação.

Pontos fracos: Acredita que sua alma foi condenada ao limbo sem chance de salvação e não consegue criar laços ou ver as coisas boas da vida por sempre possuir uma visão decadente da realidade.

Peculiaridades: Tharantor costuma ser sempre dissimulado e não gosta de revelar de seu eu verdadeiro para as pessoas. Não se refere a ninguém durante uma conversa pelo nome, somente raça, classe, posto ou sexo. Aceita qualquer tipo de serviço contanto que tenha o preço adequado. Não gosta de contato com crianças pequenas ou bebês.

Parentes: Tharantor não possui nenhum parente vivo conhecido.

Aliados relevantes: Apesar de ninguém poder afirmar que possui a amizade verdadeira do elfo, Tharantor possui uma rede de aliados que lhe são uteis no momento oportuno. Possui contatos na igreja, entre os bruxos que se escondem em Vento Bravo, na corte de Darnarssus, com alguns nobres de Vento Bravo, com a guilda de ladinos de Darnarssus e com algumas outras guildas. (Storyline) Tharantor conheceu uma jovem sacerdotiza chamada Hollycane que travava uma batalha interior para não se denegrir ao caminho das sombras, durante um bom tempo ela tentou tirar Tharantor da solidão sombria de sua alma perdida, mas ironicamente, ela que acabou sendo induzida por ele a se tornar de vez uma sacerdotiza das sombras, e ainda futuramente acabou abandonando o sacerdócio para se ternar uma Ladina tendo como mentor o proprio elfo. Apesar de ele não expressar sentimentos afetivos, ela o considera amigo, e Tharantor mesmo que demonstre somente indiferença à ela, talvez a encare também como amiga.

Inimigos relevantes: Tharantor possui muitos inimigos devido a seu trabalho como assassino, muitos dos quais nem ele tem conhecimento. (Storyline) O ultimo inimigo declarado foi uma monja (esqueci o nome, mas quando lembrar edito) que buscava vingança por ter sua familia assassinada pelo elfo quando era criança. Ela tentou criar uma armadilha para pega-lo, porem sua experiencia e perspicácia prevaleceu no final. Após te-la matado, Tharantor enterrou o corpo em um lugar remoto de Vento Bravo, e apesar de não criar laços afetivos por ninguém, Tharantor desenvolveu um respeito por essa inimiga por se identificar com sua vingança e achar que ela tinha o direito de tentar tirar sua vida assim como ele a dela. Ele fez um tumulo simples para o corpo dela, apesar de não ter lapide nem identificação.
Editado por Hikz em 03/02/2013 22:48 BRST
Responder Citar
Ladino Humano 90
14640
Eu tentei encontrar os personagens que participaram das minhas Storylines pra postar, pois todas foram feitas dentro do jogo, mas acredito que os personagens foram apagados por seus donos pois não apareceram na busca. =/

Teve uma Storyline tb que eu tava fazendo com um DK que não terminamos pq minha net caiu no dia e paramos ela na metade, como depois disso não o vi mais On, ficou por isso mesmo e não acrescentei na ficha, mas ele seria mais um inimigo do Tharantor.

PS: Eu costumo jogar RP mais frequentemente com um pessoal do Gallywix (meu char RP é de la) ou por cross realm. Ja joguei RP free muitas vezes e fiz algumas storylines até mesmo do meu proprio personagem.

Infelizmente o RP no Brasil não é muito difundido e fica dificil achar um pessoal fixo pra jogar =/

Aproveitando aqui, vou deixar o link de um addon que vc pode por a ficha do personagem no proprio WOW e quem tambem tiver o addon pode ve-la

http://www.curse.com/addons/wow/my-role-play?page=41
Editado por Hikz em 29/01/2013 15:14 BRST
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290
malz, mais ja existe topicos com o msm conteudo

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/3581199356

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/7708411474

so na primeira pagina ^^

e o panon ainda tah criando mais

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/7591982093

mais legal sua ficha XD


Sim, sim. Mas esses dois (o primeiro e o do Panon) são mais para fanfics e contos, não? O que eu sugeri é uma ficha pra ser usada mais em roleplay mesmo. E a ideia de criá-la saiu exatamente desse tópico do Sygfryed, mas pensei em fazer algo mais completo e panz. :B

Mas enfim, obrigada~
Responder Citar
Sacerdotisa Draenaia 90
7290

PS: Eu costumo jogar RP mais frequentemente com um pessoal do Gallywix (meu char RP é de la) ou por cross realm. Ja joguei RP free muitas vezes e fiz algumas storylines até mesmo do meu proprio personagem.

Infelizmente o RP no Brasil não é muito difundido e fica dificil achar um pessoal fixo pra jogar =/

Aproveitando aqui, vou deixar o link de um addon que vc pode por a ficha do personagem no proprio WOW e quem tambem tiver o addon pode ve-la

http://www.curse.com/addons/wow/my-role-play?page=41


Eu sinto inveja dos outros servidores por causa disso, principalmente Goldrinn. A maioria dos Rplayers que eu encontro são de lá ç_ç E caramba, obrigada pelo addon. Eu SEMPRE esqueço de baixar -.-
Responder Citar
Ladino Humano 90
14640
24/01/2013 15:31Citação de Lyviah
Eu sinto inveja dos outros servidores por causa disso, principalmente Goldrinn. A maioria dos Rplayers que eu encontro são de lá ç_ç E caramba, obrigada pelo addon. Eu SEMPRE esqueço de baixar -.-


A maioria dos jogadores Rp que encontrei foi no Gallywix, foi até um dos motivos de eu ter feito meu char RP la.

Meu char RP vive na taverna leão Orgulhoso em Vila D`ouro, quem sabe um dia não nos esbarramos por la.
Responder Citar
Xamã Troll 90
5100
Vem brincar com a gente aew ..

http://us.battle.net/wow/pt/forum/topic/7200184508
Responder Citar
Caçadora Elfa Sangrenta 90
11920
Vontade de escrever, mas a preguiça é forte. D;
Responder Citar
MVP
Maga Humana 90
13645
Tínhamos um tópico semelhante na seção de história quando o fórum foi criado - não tínhamos tantos acessos no fórum quanto hoje em dia, devo ter algumas informações lá... Depois vejo. D:

Nome: Kaistrasza

Idade: 11.224 anos

Raça: Dragonkin

Classe: Mage

Títulos: -

Profissões: Encantadora, costureira, estrategista militar(Wyrmrest Accord)

Local de nascimento: Ruby Sanctum

Aparência: (serei o mais breve o possível)
Em forma humana: Longos cabelos ruivos, olhos azuis-gelo, pele branca bem alva e a estatura média (1,68m) são as características visuais que o observador encontra ao avistá-la, porém, a aura gelada que ela emana pode ser sentida há metros de distância de seu ponto de origem. Quando trabalhando em forma humana, ela prefere trajar roupas claras, tendendo para o azul e branco e adornos dourados, por vezes usa trajes avermelhados - quando está representando o Wyrmrest Accord.

Em forma original: É uma wyrm de escamas escarlates, olhos azuis-gelo, chifres e espinhos esbranquiçados. Recentemente se uniu ao espírito de Tarecgosa, dando um aspecto azulado às suas escamas.

Voz: Fria e profunda. Desde que perdera a irmã em combate, Kai tem a tendência a não se envolver emocionalmente com alheios, sua voz é suave originalmente. Ela nunca sobe o tom da voz.

Mão dominante: Ambidestra.

Trajes: Descritos em aparência.

Traços característicos: A aura que por vezes Kai deixa ligada, como uma armadura congelada.

BIOGRAFIA

Kaistrasza nascera do mesmo ovo que sua irmã, Lesistrasza. Desde pequenas adotaram os nomes de Kaimi e Lesira, respectivamente. Kaimi era a irmã mais extrovertida e curiosa enquanto Lesira gostava mais de montar estratégias e quebrar coisas.
Eventualmente ambas seguiram caminhos diferentes. Kaimi estudou magia arcana entre os dragões azuis e com auxílio de Krasus/Korialstrasz. Ela se afeiçoou aos humanos assim que eles começaram a surgir, por sua vontade de viver, sobreviver - sua força de vontade e fé.

Kaimi esteve presente na War of the Ancients, embora fosse muito jovem. Atualmente funciona como relações públicas Dragões-Dalaran e uma das estrategistas militares de Wyrmrest Temple.

DADOS GERAIS

Personalidade: Kaistrasza era a extrovertida até a morte de sua gêmea, que a abalou de tal forma que ela foi se isolando dentro de si, se tornando mais fria e calculista.

Possessões valiosas: O cajado de Tarecgosa

Hobbies: Observar as raças mortais e seu cotidiano. Entender suas aspirações, sonhos, atitudes e tudo que possa influenciar na política e no modo de vida das raças que habitam Azeroth.

Animais de estimação: -

Pontos fortes: Inteligência e capacidade de reação rápida bastante desenvolvida

Pontos fracos: Prefere não fazer aliados? Tem medo de batalhas? Não consegue se relacionar com outras pessoas sem que alguém saia machucado?

Peculiaridades: O que torna seu personagem único. Pequenas ações que ele costuma fazer, modo de falar (se possui sotaque, se eleva o tom ou o diminui demais), gestos curiosos que o personagem emite sabendo ou não.

Parentes: Alexstrasza (Mãe), Red Dragonflight, Lesistrasza/Lesira(gêmea)

Aliados relevantes: Wyrmrest Accord, Blue Dragonflight, Chromie, Kirin Tor.

Inimigos relevantes: Undeads de forma geral, por serem uma aberração perante aos olhos de Eonar, os demônios da Legion, por serem inimigos de toda a vida, e Orcs, pelos erros do passado e pela escravização de dragões (Dragonmaw Clan).
Editado por Kaistrasza em 15/04/2013 01:08 BRT
Responder Citar
Sacerdotisa Pandarena 90
10705
Nome: Outs
Idade: 29.950 Anos (Aparenta ter 29)
Raça: Pandarena (Ex-Drainei)
Classe: Sacerdotisa
Títulos: Líder da Equipe de Reconhecimento/Mestre-Cuca
Profissões: Mineradora e Joalheira
Local de nascimento: Argus
Aparência: Olhos Azuis, Grandes Cabelos Castanho Escuro, com uma pele Branca-Marrom, um pouco gorducha.
Cheiro: Nenhum, o cheiro pode entregar a localização.
Voz: Uma voz suave e tranquila, não muito grossa.
Mão dominante: Ambidestra (devido a usar armas nas duas mãos)
Trajes: Por ser uma sacerdotisa, anda sempre com suas vestes que não lhe dão muita proteção, na hora de cozinhar apenas acresenta um avental.
Traços característicos: Nada.

Biografia em outro post.

DADOS GERAIS

Personalidade: Outs é muita tímida e odeia chamar atenção, mas ainda assim prefere estar num grupo do que sozinha.
Possessões valiosas: Um colar que lhe foi dada em seu comprimisso perante aos Draineis.
Hobbies: Outs gosta muito de cozinha.
Animais de estimação: Seu inseparável Grifo-Nevado.
Pontos fortes: Outs quase sempre consegue manipular quem ela quer, e vem sempre praticando cada vez mais.
Pontos fracos:Quando Outs não consegue o que quer, seu temperamento muda e fica extremamente agressiva, podendo perder a cabeça com seus próprios aliados.
Peculiaridades: Outs gosta de apreciar seus novos caninos e sempre cuida muito bem deles por impulso (o.o)
Parentes: Parentes desconhecidos
Aliados relevantes:Velen, um certo gnomo Mago e seus aliados em Pandária.
Inimigos relevantes: Archimonde e Kil'jaeden
Editado por Outs em 02/03/2013 19:31 BRT
Responder Citar
Caçador Humano 85
1660
Pode ficar meio confuso porque em algumas questões, escrevi estando em 1° pessoa, ou melhor, me incorporando com o personagem.
Nome: Nivs Vaan Faller
Idade: Em torno de seus 30 anos
Raça: Humano
Classe: Caçador

Títulos: Caçador de ratos de Ventobravo (essa foi porque eu tava procurando um rato branco e outro marrom em Ventobravo, aí me taxaram assim, triste), levando em foco o RP, Sou conhecido como o 'único Faller sobrevivente', por motivos diversos, mas levando em foco, a Horda.

Profissões: Sou herbalista, sempre viajo pelas terras de Azeroth em busca de novas plantas exóticas!

Local de nascimento: É desconhecido o lugar exato, mas foi proximo às localidades da Floresta de Elwynn

Aparência: Levei alguns aspectos meus da vida real, vejamos: A cor dos olhos é castanho, cor do cabelo castanho também, estatura mediana.

Cheiro: Digamos nada comúm, é uma mistura de sangue de vários bichos, junto com o odor de suor, Banho é minha ultima prioridade.

Voz: Não é nem grossa, mas também não é fina, nem muito menos suave, bom, não sei dizer ao certo.

Mão dominante: utilizo as duas, mas a que faz mais esforços é o meu braço direito(destro).

Trajes: Costumo utilizar trajes mais proximos de um caçador que vive no calão das florestas, e é claro, utilizando roupas com tonalidade mais escura, porém, quando posso, utilizo sim roupas casuais.

Traços característicos: A marca de uma ferida que foi piorando com um veneno utilizado por um Morto Vivo da Horda, a ferida encontra-se no braço esquerdo.

BIOGRAFIA
Aqui deixo Nivs Vaan Faller dar suas palavras.
...
....
.....

Não há data determinada de quando nasci, porém ainda tenho marcas da minha infancia, odeio admitir, mas logo após os ataques que minha familia enfrentou, utilizo as feridas e os destroços de batalhas que ainda continuam penetrados em mim, como motivação pra continuar com uma aljava de flechas e um arco na mão em busca de vingança.
Sou de origem de humanos, uma pequena familia onde todos conviviam em paz e fraternidade em uma pequena vila que se encontrava na Floresta de Elwynn...
~Nivs abaixa a cabeça, fecha os olhos e sorri~
..Há pessoas que tentam se afastar do lugar onde só havia sofrimento, mas eu tenho costume de sempre visitar vilas de Elwynn, como a mais popular, Vila d'ouro..não vou pra acumular a tristeza que há dentro de mim, mas me sinto honrado em dizer que aquele foi o lugar onde eu nasci, e a honra vem de bravos guerreiros da aliança que perambulam por lá..
A minha história não se apagou e ela não está confirmada, portanto, ainda a dor e a vontade descontrolavel de levar a horda inteira para o inferno, é infinita..
~Nivs levanta sua cabeça novamente e dá risada~
Haha, desculpe perder o foco da discussão, continuando..
Minha familia pretendia mudar de lugar pra viver, pois aquela floresta havia diversos riscos para a vida de novos humanos com o sobrenome Faller, sem contar que proximo de lá da vila, havia uma proliferação de Murlocs, que são uns bichos horrendos e ainda habitam aquela pequena grande floresta..
E foi desses malditos que vieram as pessimas noticias de doenças que alguns da familia Faller passaram à ter, e que poderia ter vindo desses Murlocs, os sintomas era o aparecimento de bolhas nos braços e queimaduras que apareciam constantemente em volta do corpo, foi diante desses acontecimentos que a familia decidiu se mudar, e partiu em viagem sem um destino determinado, foram pra o porto de Ventobravo e pegaram o primeiro navio que chegou no cais, durante diversos dias de viagens, pequenos futuros guerreiros e a proxima geração da familia faller nasceram, a familia foi crescendo, aquele navio era pequeno para a familia toda..
Ah, fui esquecendo de um detalhe importante..~suspiro~
..a minha familia sempre se focou em descobrir novas tecnicas da caça, por isso, minha familia seguia a linha de viver em locais cheio de arvores aos arredores, vinha do sangue da familia Faller e isso foi passando de gerações em gerações até chegar em mim, que foi o ponto final até então.
Enfim, continuando..
A familia Faller chegou em um novo continente em busca de uma nova vida, porém não perdendo o foco da caça, que era um fator principal da familia, Kalimdor era o lugar onde pisaram pela primeira vez, e não tinham noção que era daquele continente, onde havia tantos inimigos dos humanos, e consequentemente, de nós, Faller's..partiram para o Vale Gris, e passaram à viver lá por um tempo..cerca de uns..2 meses, não foi muito tempo. Passou-se esses 2 meses e os Fallers passaram à ter a certeza de que acharam o lugar certo, porém, não perdiam a saudade de onde eles vieram, o berço deles, a floresta de Elwynn..enfim..
Em uma madrugada, a familia foi acordada por estrondos, barulho de diversas pessoas fazendo..digamos..uma expedição naquele Vale..foi dai que em uma das pequenas casas feitas de bambu foi invadida por um estranho morto vivo..ele havia traços de um humano[5k de caracteres]
Editado por Nivs em 27/01/2013 06:17 BRST
Responder Citar
Caçador Humano 85
1660
Ele não era estranho para aquela pequena vila que andava se formando aos poucos e se reconstituindo..
Esse morto vivo dá um grito estrondoso falando palavras estranhas, talvez seria a lingua nativa deles, foi dai que veio uma horda de grandes monstros verdes, bichos azuis e dentudos e mortos vivos vindo em direção à..minha familia..
...
....
~Nivs fecha o olho novamente e bate na parede com toda suas forças~
Você...NÃO SABE...
NÃO SABE...Como é ver sua mãe caida no chão, jorrando sangue ao lado de seus pés e você não poder fazer..ABSOLUTAMENTE...NADA.
Você não sabe..o que é perder a fé de um dia pegar uma espada e decepar..A CABEÇA DESSES MALDITOS..ORCS..Tenho nojo de mim mesmo em agora saber o nome desses monstros que acabaram com o meu motivo de felicidade..
Quer saber como eu lembro dessas histórias?
Meu irmão escreveu tudo isso nesse pequeno livro pra que um dia ele pudesse dar pra seus filhos e que eles seguissem a linhagem Faller, porém..durante uma expedição de exercitos de Ventobravo ele tomou uma flechada no peito, e foi impossivel salva-lo..Eu e ele era os unicos sobreviventes dos ataques..achei que ele iria ficar do meu lado...TODAS AS VEZES QUE EU PRECISASSE DE AJUDA OU QUANDO EU ESTIVESSE EM APUROS..Porém, eu estou sozinho agora.
Não tenho mais nada à dizer.
~Cai uma lagrima que escorre por baixo de sua mascara, ele vira seu rosto ligeiramente~
Apenas lhe digo, estou aqui nessa terra..estou aqui na aliança, porque quando eu estiver debaixo da terra, uma certa parcela da horda estará na vala.


DADOS GERAIS

Personalidade: Ele é quieto, é um bicho do mato completo.

Possessões valiosas: O livro com que meu irmão escreveu os acontecimentos dos ataques à minha familia.

Hobbies: Andar entre a capital, passar por vilas, etc.

Animais de estimação: MEUS RATOS, FIM.

Pontos fortes: Ele não sente a necessidade de conviver com outras pessoas, é apenas ele, o seu lobo e os ratos.

Pontos fracos: Não consegue se relacionar com outras pessoas sem que alguém saia machucado.

Peculiaridades: O seu lado arrogante, e pequenos trocadilhos falando de algo sério, faz Nivs, se tornar único.

Parentes: Nivs não lembra de quase ninguém da familia, ele não gosta de dizer, mas ele de tanto apanhar de Orcs quando ele foi aprisionado, ele perdeu toda a memória, e só lembra atualmente de seu irmão: Shiori Faller.

Aliados relevantes: Minha guilda e minha futura esposa, a unica pessoa que eu posso confiar.

Inimigos relevantes: Horda.

Espero que leiam, passei da hora de dormir pra escrever isso aqui D:

24/01/2013 15:44Citação de Hikz
Eu sinto inveja dos outros servidores por causa disso, principalmente Goldrinn. A maioria dos Rplayers que eu encontro são de lá ç_ç E caramba, obrigada pelo addon. Eu SEMPRE esqueço de baixar -.-


A maioria dos jogadores Rp que encontrei foi no Gallywix, foi até um dos motivos de eu ter feito meu char RP la.

Meu char RP vive na taverna leão Orgulhoso em Vila D`ouro, quem sabe um dia não nos esbarramos por la.


Espero um dia poder fazer um personagem lá e conhecer uma galera que curte RP, e espero também que haja uma expansão do RP em reinos Brasileiros.
Editado por Nivs em 27/01/2013 06:21 BRST
Responder Citar
Caçadora Elfa Sangrenta 90
11920
(Eu tive que dar umas atualizadas no background, então basicamente peguei do meu mrp. :c)

Nome: Alíria Windrunner.

Idade: Rumo aos 77 anos. /yay

Raça: High Elf.

Classe: Ranger.

Títulos: the Beloved (ex-title).
Champion of the Undercity.

Profissões: Alíria nunca se especializou em nada; Embora tenha uma certa habilidade em esfolar animais e coletar plantas medicinais. (Apenas um treinamento básico de sobrevivência)

Local de nascimento: Quel'thalas.

Aparência: A elfa possui olhos azuis claros - bem brilhantes, por sinal. Seus cabelos são loiros e sedosos, arrumados em uma franja que desliza sob a vista direita; não muito longo, ele consegue apenas passar um pouco dos ombros. Sua pele é bem branca, embora possua um certo tom rosado também.

Alíria é de estatura mediana, seu corpo - devidamente apropriado para uma elfa - sendo de peso ideal para seu tamanho.

Cheiro: Por passar muito tempo em Undercity - seus deveres para com Sylvanas exigem muito tempo da elfa nas terras de Lordaeron e em Capital City. O aroma doce da elfa acaba por se misturar com o cheiro morto dos undeads; para isso, a elfa acaba por fazendo sua higiene várias vezes ao dia.

Voz: Alíria geralmente possui uma voz calma e melodiosa. Quando irritada, ela acaba por aumentar seu timbre em uma tonalidade aguda.

Mão dominante: A elfa é destra e mesmo usando constantemente as duas mãos para tarefas cruciais, ela não domina profundamente sua mão esquerda; tendo dificuldades quando sua mão dominante é muito afetada.

Trajes: Como Alíria é vítima de várias ameaças e sofre constante perigo, ela acaba por raramente vestir suas vestes mais casuais, estando com sua malha de ranger constantemente.

Sua roupa é predominantemente negra, tendo alguns relevos em roxo. Sua veste quase cobre o corpo por inteiro, deixando apenas com que parte do braço fique a mostra. A malha é bem colada ao seu corpo, tendo um tecido que lembraria muito escamas; a ombreira é o ponto chamativo da armadura. Feita de um material quase que impenetrável, elas conseguem ser bastante resistentes e pesadas, talvez pelo fato dos espinhos principais serem relativamente longos, enquanto os outros apenas completam o design.

Traços característicos: Em sua época de ranger, Alíria poderia ser facilmente confundida com Alleria Windrunner. Porém, a elfa tem características singulares, uma delas são os três brincos em formato de argola (dois na esquerda e um na direita) cujo representam acontecimentos importantes em sua vida. A outra é o orgulho clássico e sua arrogância, deixando Alíria como uma elfa que despreza quase todas as raças de Azeroth.

BIOGRAFIA (ctrl c + ctrl v do mrp huehue)

Irmã mais nova de Zendarin, Alíria sempre foi uma promissora ranger. Passou muito tempo na academia élfica e acabou tendo uma amizade bastante singular com sua prima Sylvanas Windrunner. O tempo passou e com a Segunda Guerra, diversas famílias élficas foram a ruína.

Alíria e seu irmão foram os único elfos que restaram do seu lado da família, sofrendo da mesma perda que suas primas. Com a partida de Alleria, a elfa e Sylvanas acabam tornando sua amizade cada vez mais forte, acabando por se importar bastante com o paradeiro uma da outra (É válido ressaltar que Sylvanas agia diferentemente de Alíria quando estava preocupada com sua segurança).

Quando seu grupo encontrou com Arthas, Sylvanas enviou alguns mensageiros para Silvermoon (e posteriormente Alíria) para que avisasse a cidade das verdadeiras intenções do príncipe caído. Impossibilitada de negar o pedido, Alíria se encaminhou para Silvermoon, porém a elfa acaba sendo surpreendida por um grupo de gárgulas que a emboscaram, desmaiando quase sem vida em um local deserto de Quel'thalas. (A elfa foi considerada morta por muito tempo)

Quando acordou, viu sua terra destruída e sua primeira atitude foi procurar seu irmão. Não o reconhecendo mais (devido as atitudes egoístas e suspeitas, embora conhecesse a personalidade de Zendarin e sua sede de poder), Alíria foi em busca de Kael'thas mas, sua tentativa falha de pedir ao príncipe respostas sobre o paradeiro de Sylvanas e seu grupo, acabou levando a elfa para o abandono de Silvermoon.

Depois de alguns anos, Alíria reencontra Sylvanas (já undead) e passa a viver em Undercity. Acabando por obter uma alta influência nas decisões da Banshee Queen.

Por motivos maiores, a Banshee Queen fez um acordo com Alíria. A elfa nunca deveria revelar sua verdadeira identidade para os outros; sendo conhecida apenas como ''campeã''.

O resto eu adiciono depois :c~
Editado por Alíria em 29/01/2013 03:30 BRST
Responder Citar

Por favor, relate qualquer violação do Código de Conduta, incluindo:

Ameaças de violência. Nós levamos isso a sério e alertaremos as autoridades apropriadas.

Mensagens contendo informações pessoais de jogadores. Incluindo endereço físico ou de e-mail, número de telefone, fotos e/ou vídeos inapropriados.

Assédio ou linguagem preconceituosa. Isso não será tolerado.

Código de Conduta dos Fóruns

Relatar mensagem # escrita por

Motivo
Explique (no máximo 256 caracteres)
Enviar Cancelar

Reportado!

[Fechar]