Gládio Cruel

Rebentágua

Quando o sátiro Zevrim Cascardo decidiu controlar os elementais do Gládio Cruel, ele se concentrou em Rebentágua, que residia calmamente nas águas embaixo do altar. Conforme Cascardo conduzia seus rituais de sacrifício profanos, o elemental se tornava cada vez mais agitado e inquieto, atacando os lacaios demoníacos de Cascardo. Com o passar dos anos, Cascardo utilizou as energias das suas vítimas para atiçar Rebentágua em uma fúria desenfreada, pouco a pouco ligando sua vontade aos comandos do sátiro.