Stratholme

Outrora a joia do norte de Lordaeron, a cidade de Stratholme foi o cenário onde o Príncipe Arthas se virou contra seu mentor, Uther, o Arauto da Luz, e matou centenas de seus próprios súditos, os quais acreditava haverem contraído a temida peste da morte-viva. A decadência de Arthas e sua rendição final ao Lich Rei não tardaram, depois disso.

A cidade incendiada e desolada se tornou um refúgio para os mortos-vivos do Flagelo, que se agruparam atrás das grandes torres e portões de ferro de Stratholme. Em todos esses anos, tanto campeões da Luz quanto fanáticos da Cruzada Escarlate se aventuraram em Stratholme para enfrentar esses monstros... e poucos voltaram para contar. Agora, os ex-campeões da humanidade se erguem, ressuscitados, engrossando as fileiras do Flagelo. Se não forem contidas em seu próprio lar, as forças da morte-viva, lideradas por um cavaleiro da morte, lorde Aurius Rivendare, e um senhor do medo, Balnazzar, logo sairão para devastar Lordaeron mais uma vez.