Templo Submerso

Mais de mil anos atrás, o poderoso império Gurubashi foi varrido por uma grande guerra civil, iniciada quando um influente grupo de sacerdotes trolls, conhecidos como os Atal’ai, tentou ressuscitar um antigo deus do sangue chamado Hakkar, o Esfolador de Almas. Embora no fim os sacerdotes tenham sido derrotados e exilados, o grande império dos trolls entrou em colapso. Os sacerdotes exilados fugiram para longe, para o Pântano das Mágoas, ao norte. Eles erigiram um grande templo para Hakkar, onde poderiam se preparar para a chegada de seu deus ao mundo físico.

Ysera, o grande aspecto dragônico, soube dos planos dos Atal’ai e destruiu o templo, submergindo-o no pântano. Até hoje as ruínas submersas do templo são protegidas por dragões verdes para impedir que qualquer um entre ou saia. Porém, acredita-se que alguns dos fanáticos Atal’ai possam ter sobrevivido à ira de Ysera e se dedicado novamente ao sombrio serviço a Hakkar.